Menu
terça, 22 de setembro de 2020
Saúde

Ponta Porã: instituto assume gestão de hospital regional e governo espera melhoria no atendimento

Secretário de Saúde disse que empresa já presta bons serviços em outros estados

01 abril 2019 - 17h39Por Thiago de Souza

A Organização Social Instituto Acqua assumiu, nesta segunda-feira (1º), a administração do Hospital Regional de Ponta Porã José Simone Netto. Com a nova gestão, o governo espera melhoria na qualidade do atendimento. O secretário de Saúde, Geraldo Resende (PSDB) esteve no evento, ao lado do prefeito da cidade, Hélio Peluffo e o diretor-presidente do InstitutoAcqua, Samir Siviero.

O Instituto Acqua assumiu o compromisso de elevar o padrão de atendimento à comunidade de Ponta Porã e outros sete municípios que perfazem uma população de mais de 220 mil habitantes.

De acordo com o secretário estadual de Saúde Geraldo Resende a expectativa de melhoria decorre do fato de que o Instituto Acqua tem feito gestão qualificada em outras regiões do país, como o Maranhão, que é referência na alta complexidade naquele estado.  

Resende solicitou ao dirigente do Instituto que, dentro das possibilidades, supere a produção e grau de satisfação dos usuários. Uma das estruturas do Hospital que deverá ser ampliada é a UTI (Unidade de Terapia Intensiva), com a construção de uma nova sala. Também solicitou a implantação de uma ouvidoria, cuja providência foi adotada imediatamente pelo novo gestor.

“Chegamos a Ponta Porã com sete mil colaboradores diretos e 18 unidades de saúde geridas pelo instituto em quatro estados do País. Vamos realizar um trabalho com muita responsabilidade, eficiência e parceria com os colaboradores que já estão na casa. Devolveremos ao Estado a confiança no trabalho das Organizações Sociais”, afirmou o diretor-presidente do Instituto Acqua, Samir Siviero.

O Hospital

Com 107 leitos, o Hospital Regional José Simone Netto oferece atendimento de urgência e emergência, ambulatorial, internação nas especialidades de clínica médica, cirúrgica, gineco-obstétrica, pediátrica, ortopédica e UTI adulto à população de Ponta Porã, Amambai, Antônio João, Aral Moreira, Coronel Sapucaia, Paranhos, Sete Quedas e Tacuru. A unidade oferece estrutura de apoio diagnóstico e terapêutico com assistência humanizada, integral e contínua, e acolhimento dos pacientes com uso de protocolo de classificação de risco, além de equipe multiprofissional.

 

 

Leia Também

Trabalhadores do Proinc terão contrato estendido em 12 meses pela Prefeitura
Política
Trabalhadores do Proinc terão contrato estendido em 12 meses pela Prefeitura
Gasolina em Campo Grande chega a R$ 4,39 e reclamação é o que não falta
Cidade Morena
Gasolina em Campo Grande chega a R$ 4,39 e reclamação é o que não falta
NA LATA: auxílio emergencial foi de R$ 5,4 mil e você nem sabia
Na Lata
NA LATA: auxílio emergencial foi de R$ 5,4 mil e você nem sabia
Campo Grande inaugura ambulatório de reabilitação a pacientes recuperados da covid-19
CORONAVÍRUS
Campo Grande inaugura ambulatório de reabilitação a pacientes recuperados da covid-19