Menu
domingo, 27 de setembro de 2020
Saúde

Posso pegar covid duas vezes? Veja o que dizem especialistas sobre imunidade à doença

Doença ainda é considerada 'nova' e deixa muitas dúvidas entre a população

08 agosto 2020 - 09h30Por Nathalia Pelzl

Cinco meses de pandemia do novo coronavírus e muitos questionamentos ainda são feitos sobre o contágio e a pós-infecção da doença.

A dúvida mais recorrente tem sido: peguei covid, posso pegar novamente? Por enquanto, segundo especialistas, não há uma resposta definitiva se o organismo fica imune ao novo contágio.

O virologista Eurico Arruda, da Faculdade de Medicina da USP em Ribeirão Preto, em entrevista ao Estadão, reforçou que não existe um passaporte para imunidade após a doença.

“Esse vírus é da mesma família de outros vírus que pularam de animais para o homem, se adaptaram há décadas e circulam entre pessoas de uma forma endêmica. Então, já é sabido há muito tempo que esses coronavírus não induzem uma imunidade protetora, duradoura”, disse.

Como a doença ainda é ‘nova’, estudos e pesquisas estão sendo realizados. No dia 2, a revista Science divulgou uma pesquisa feita com macacos infectados com Sars-Cov-2 (vírus responsável pela covid-19) e que tinham sido curados. 

Conforme a pesquisa, ao serem expostos novamente ao coronavírus, 28 dias depois, eles não desenvolveram sintomas, o que indica imunidade em curto prazo.

Ou seja, não dá pra saber ainda, com efetividade, quanto tempo demora até uma pessoa infectada pelo novo coronavírus ficar vulnerável e suscetível a contrair o vírus novamente.

Leia Também

Cantora Joelma revela que está tratando sequelas da covid-19
CORONAVÍRUS
Cantora Joelma revela que está tratando sequelas da covid-19
Comerciante morre em acidente após bater carro em árvore na MS-276
Interior
Comerciante morre em acidente após bater carro em árvore na MS-276
Juíza derruba Trutis e coloca Siqueira como candidato
Política
Juíza derruba Trutis e coloca Siqueira como candidato
Campanha está liberada e domina redes sociais
Política
Campanha está liberada e domina redes sociais