GOV AGEMS
Menu
quarta, 08 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
aguas 07/12 a 11/12
Saúde

Prefeitura ainda não tem previsão para chegada de mais vacinas contra H1N1

30 maio 2016 - 13h41Por Anna Gomes

Mesmo com a enorme quantidade de pessoas que acabaram ficando sem a vacina H1N1, já que o medicamento está em falta até na rede particular de Campo Grande, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública) diz que ainda não existe previsão de quando vai ter os estoques reabastecidos.

Enquanto isso, o problema de falta de vacinas ainda persiste em Campo Grande, e a escassez do medicamento é considerado um enorme problema de saúde pública, já que pessoas procuram as unidades de saúde na intenção de conseguirem a vacina, mas nada conseguem.

Há duas semanas, muitos pacientes não estavam conseguindo ser vacinados apesar de irem até as unidades de saúde, as vacinas acabavam antes do fim do dia. Agora, as pessoas vão as unidades e são informadas que naquele local a vacina já acabou.

Sem contar que a falta da vacina está gerando uma onda de denúncias, muitas infundadas, na cidade. Leia aqui.

Após o sumiço de mais de três mil vacinas contra H1N1, em Campo Grande, a população ficou ainda mais revoltada com a falta do medicamento. Durante a Campanha de Vacinação, a Sesau contabilizou 174 mil pessoas imunizadas, mas houve muita reclamação de quem se deparava com a falta de doses nos postos e unidades de saúde. Cerca de 3 mil vacinas estão desaparecidas das 190 mil recebidas pela Secretaria.