TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
segunda, 04 de julho de 2022 Campo Grande/MS
Saúde

BARES LOTADOS: querem fazer companhia para Mamonas Assassinas, dispara secretário

Mato Grosso do Sul chegou aos 5.391 casos confirmados do novo coronavírus

22 junho 2020 - 11h38Por Diana Christie

Indignado com as aglomerações em bares de Campo Grande, o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, reclamou de consumidores flagrados na inauguração de um estabelecimento, cantando canções de músicos falecidos.

“Está tendo inauguração de novos bares e botecos aqui na Capital. As pessoas cantando músicas do conjunto Mamonas Assassinas, que tiveram uma tragédia, essas pessoas querem ir para o mesmo lugar que esses cantores foram”, disparou durante live nesta segunda-feira (22).

Ele fez referência a vídeo que circula nas redes sociais, de um bar localizado na Rua Antônio Maria Coelho, onde as pessoas cantam ‘Pelado em Santos’, sucesso da banda, que morreu em 1996, em um acidente aéreo.

Segundo o secretário, enquanto a covid-19 avança, “julho e agosto possivelmente serão os meses com maiores números de casos e maiores números de óbitos em Mato Grosso do Sul”.

Dados

Com mais 154 testes positivos, Mato Grosso do Sul chegou aos 5.391 casos confirmados do novo coronavírus. As informações são do boletim epidemiológico desta segunda-feira (22).

Dos pacientes confirmados, 2.408 estão em isolamento domiciliar, 2.788 recuperados e 148 estão internados, entre leitos clínicos e de UTI. Além desses, cinco pacientes de outros estados e um da Bolívia estão em hospitais de MS.

Ao todo, 48 pessoas morreram, uma a mais desde a divulgação do último boletim.

Desde o fim de janeiro, foram 31.343 casos notificados. Destes, 1.187 estão em análise laboratorial, 1.544 aguardam encerramento das secretarias municipais, e 23.221 foram descartados.

A doença está presente em 63 dos 79 municípios do Estado, o equivalente a 80%.