(67) 99826-0686

Chapecoense fica perto de acerto com o atacante Niltinho, ex-Criciúma e JEC

Contrato deve ser de empréstimo por um ano e com a opção de compra para o Verdão do Oeste após o fim do vínculo

27 DEZ 2016
Globo Esporte
18h40min

Depois de Rossi, que defendeu o Goiás na Série B do Campeonato Brasileiro, a Chapecoense está perto de acertar com mais um atacante para a temporada de 2017. Trata-se de Niltinho, atleta que atuou pelo Criciúma na última temporada e tem passagem pelo Joinville no currículo. O contrato deve ser de empréstimo por um ano e com a opção de compra para o Verdão do Oeste após o fim do vínculo. 

O nome de Niltinho estaria em uma lista elaborada por Mauro Stumpf, vice-presidente de futebol morto no acidente com o avião da LaMia, e coincide com a relação feita pelo atual departamento de futebol. A diretoria da Chapecoense, no entanto, segue com a estratégia de não divulgar nomes antes da assinatura dos contratos para evitar interferência de outros clubes na negociação com os atletas.

Natural de São Paulo, Nilton Soares Rodrigues surgiu para o futebol em 2011 vestindo a camisa do São Caetano. Em 2014, o atacante foi emprestado ao União Barbarense durante o primeiro semestre, retornando em seguida para o time do ABC paulista. Em 2015, chegou ao Volta Redonda para a disputa do estadual e chamou a atenção de Fluminense e Joinville.
Como Niltinho havia dado a palavra ao JEC meses antes da procura do Flu, ele rejeitou a proposta do clube carioca. Mas a passagem pelo Norte do estado durou pouco. Dois meses depois de assinar contrato, o atacante rescindiu o vínculo e foi para o futebol coreano. No retorno ao Brasil fechou com o Criciúma e foi uma das peças de destaque na equipe de Roberto Cavalo. Apesar de atacante, atuou improvisado na lateral esquerda e não decepcionou. Ao todo, participou de 31 jogos.
Montagem do elenco

A Chape tem quatro reforços confirmados pela diretoria para a próxima temporada: o goleiro Elias, que estava no Juventude, o zagueiro Douglas Grolli, do Cruzeiro, o meia Dodô, emprestado pelo Atlético-MG, e o atacante Rossi, que defendeu o Goiás na Série B do Brasileiro. O Grêmio vai ceder o volante Moisés, enquanto o Fluminense encaminha o empréstimo do atacante Wellington Paulista. Henrique Dourado, também do Flu, foi sondado pelo Verdão, assim como o meia Daniel, do São Paulo. Do Uruguai chega o lateral-direito Emilio Zeballos, que estava no Defensor.

Veja também