(67) 99826-0686

Desfalcado por seleções, Fla deve pedir adiamento de clássico contra Flu

Ideia é adiar a partida para o dia 13. Consultado, o Fluminense preferiu não se manifestar

23 SET 2016
Globo Esporte
17h31min
Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

O Flamengo deverá pedir o adiamento do Fla-Flu previsto para o dia 12 de outubro. Com o time na reta final do Campeonato Brasileiro a um ponto do líder, Palmeiras, o departamento de futebol rubro-negro estuda a medida por conta da convocação de três nomes de peso no elenco para jogos de seleções. O goleiro Alex Muralha foi chamado por Tite, Guerrero servirá à seleção peruana, e Felipe Vizeu entrou na lista da seleção brasileira sub-20. A ideia é adiar a partida para o dia 13. Consultado, o Fluminense preferiu não se manifestar.

O principal argumento é de que o Palmeiras jogará no dia 13 e, dessa forma, terá Gabriel Jesus, também chamado por Tite. A partida inicialmente estava marcada para o dia 12, mas a CBF aceitou a demanda do clube paulista. No dia 30 de junho a CBF acatou um pedido do Palmeiras e adiou o clássico contra o Santos. O jogo, válido pela 14ª rodada, passou do dia 9 para o dia 12 de julho por conta da realização de um evento religioso na Arena Palmeiras.

 - Existe essa possibilidade de pedirmos o adiamento do Fla-Flu para o dia 13. Devemos fazer algo até segunda-feira. Pau que dá em Chico, dá em Francisco - disse o vice de futebol do clube, Flávio Godinho, referindo-se ao caso do Palmeiras.

Muralha viaja para as Eliminatórias com a seleção que enfrentará a Bolívia, no dia 6, em Natal, e depois a Venezuela, no dia 11, em Mérida. Guerrero disputa jogos contra Argentina e Chile pelo Peru nas mesmas datas. E Vizeu, por sua vez, foi convocado para seleção brasileira sub-20 que disputará o Quadrangular de Seleções, torneio preparatório para o Sul-Americano sub-20 em Talca, no Chile, no mês de outubro. Matheus Sávio e Lucas Paquetá também foram chamados para a Sub-20.

O local do Fla-Flu causa transtorno. O Fluminense é o mandante e os clubes fazem força para que a partida seja no Engenhão, mas o Botafogo, em rede social, descartou essa possibilidade. A opção é o Serra Dourada, em Goiânia, mas a questão ainda está em aberto. A negociação é conduzida pela empresa do ex-atacante tricolor Roni, com quem o clube das Laranjeiras negociou direitos sobre seis partidas - incluindo o clássico.

Pelo regulamento, o local deve ser escolhido 10 dias antes da partida - dia 2 de outubro, portanto. E o mandante precisa ter anuência do visitante para mandar o confronto em local diferente da sua sede.

Veja também