(67) 99826-0686

Em treino morno, Mercedes sobra na Malásia, e Hamilton dá troco em Nico

Superado na atividade de abertura, britânico desbanca alemão no 2º treino livre e termina sexta-feira como mais rápido

30 SET 2016
Globo Esporte
08h16min
Foto: Getty Images

Perto de assegurar o tricampeonato do Mundial de Construtores de forma antecipada, a Mercedes sobrou no primeiro dia de treinos livres para o GP da Malásia, palco da 16ª etapa da temporada 2016 da Fórmula 1. Enquanto o título da equipe é iminente, líder e vice-líder Nico Rosberg e Lewis Hamilton seguem se revezando no duelo particular em busca da taça do Mundial de Pilotos. Diferentemente da sessão de abertura, que pegou fogo (literalmente para Kevin Magnussen), o 2º treino livre foi mais morno. Na abafada tarde malaia, com temperaturas na casa de 34ºC e alta umidade, Hamilton deu o troco no companheiro de equipe, que havia liderado a 1ª sessão, e terminou como o mais rápido do dia, com 1m34s944. O britânico foi o único a baixar da casa de 1m35s, ficando 0s233 à frente de Rosberg, que anotou 1m35s177. A TV Globo transmite o GP da Malásia ao vivo no domingo, a partir das 4h (de Brasília).

A Ferrari deu indícios de que será a segunda força do fim de semana no Circuito Internacional de Sepang, cuja temperatura da pista chegou a 56º C nesta sexta-feira. Sebastian Vettel ficou em terceiro, seguido de Kimi Raikkonen, o quarto. Única que pode impedir o título da Mercedes na Malásia, a RBR terminou com Max Verstappen em quinto e Daniel Ricciardo em oitavo. Entre eles, a Force India de Sergio Pérez, em sexto, e a McLaren de Fernando Alonso, em sétimo. Nico Hulkenberg (Force India) e Jenson Button (McLaren), que neste domingo completa 300 GPs, completaram o top 10.

Felipe Massa ficou apenas na 15ª posição, com 1m37s110. O brasileiro passou a maior parte do tempo nos boxes e foi um dos pilotos de menor quilometragem da sessão, com apenas 19 voltas. Seu parceiro Valtteri Bottas deu 37 voltas mas não foi muito longe: ficou em 13º, com 1m37s016. Felipe Nasr fechou a atividade em 18º, com 1m37s547, logo atrás do parceiro de Sauber, o 16º com 1m37s449.

Kevin Magnussen, que levou um susto no 1º treino livre com o incêndio em sua Renault, teve um começo de atividade complicado, com tempos altos e uma escapada de pista. No fim, deu apenas 19 voltas, como Felipe Massa e ficou em 19º, à frente de Romain Grosjean, da Haas, e da dupla da Manor, Pascal Werhlein e Esteban Ocon.

Os pilotos voltam à pista às 3h deste sábado para 3º treino livre. A sessão classificatória está marcada para as 6h. Ambas com transmissão do SporTV. Restando seis corridas para o fim da temporada, Rosberg lidera o campeonato com 273 pontos contra 265 de Hamilton.

Veja também