TCE MAIO
(67) 99826-0686
PMCG - Prestação de contas

Jogadores brasileiros elegem Tite o melhor técnico do Brasil

23 DEZ 2016
Uol Esporte
17h16min
Foto: Uol

Em sua primeira entrevista após ser efetivado como treinador do Corinthians para 2017, o ex-auxiliar Fábio Carille prometeu uma equipe competitiva, organizada e compacta. Ele afirmou que seu modo de trabalhar é muito parecido com o de Tite, que deixou o time alvinegro no meio do ano para assumir a seleção brasileira.

"Podem esperar linhas muito organizadas e compactas. Nunca escondi que minha linha de trabalho é a do Tite, meu jeito de ser é muito parecido com o dele", afirmou o novo técnico, que disse não temer comparações com o já consagrado treinador.

"Não estou preocupado com isso. Serei cobrado por resultados, não só por jogar bem. Já peguei a equipe por seis jogos e houve uma avaliação em cima disso. Não é que estão me colocando para ver, já viram. Não tenho medo nenhum, a pressão vai existir de qualquer forma", disse ele, que quer encarar o Campeonato Paulista "como se fosse um Mundial".

Carille também agradeceu à diretoria do Corinthians pela oportunidade e elogiou a decisão do presidente Roberto de Andrade de contratar Oswaldo de Oliveira após a demissão de Cristóvão Borges, em setembro. Oswaldo durou dois meses no cargo.

"Quero agradecer muito ao Roberto, aos diretores, estou muito grato pela possibilidade. O presidente sempre deixou claro que eu era interino e que trabalharia até dezembro. Como eu não ficaria em 2017, eu acho que ele agiu certo, trouxe outro profissional [Oswaldo] já para conhecer o grupo. Se ele pedisse minha opinião, eu diria isso. Se acertou ou errou, já foi. Agora é fazer o melhor pelo Corinthians".

Veja também