TCE MAIO
(67) 99826-0686

Jovens da Ponte registram BO contra colega de equipe por furto de objetos

Quatro jogadores do sub-20, que se prepara para a Copa São Paulo, acusam o lateral Giovanni de pegar materiais no alojamento. Macaca diz que o jogador estava cortado

25 DEZ 2016
Globo Esporte
10h21min
Foto: Fabio Leoni / PontePress

Quatro jogadores do sub-20 da Ponte Preta registraram um Boletim de Ocorrência no 1º Distrito Policial de Campinas contra um companheiro de time, na tarde da última sexta-feira. Os jovens acusam o lateral Giovanni, de 19 anos, de furtar pertences de outros atletas no alojamento da Macaca. Entre os materiais, estariam tênis, frascos de desodorantes e embalagens de creme para o corpo.

O caso chegou até a diretoria da Macaca, que se pronunciou neste sábado por uma nota oficial. O clube informou que o ato aconteceu quando Giovanni estava saindo de férias. O jogador, por sinal, já tinha sido cortado do grupo da Copa São Paulo por atos anteriores de indisciplina. A Ponte também se colocou à disposição da polícia para qualquer tipo de investigação que seja necessária.

Sem Giovanni, que disputou a Copa São Paulo e o Campeonato Paulista da categoria em 2016, o sub-20 da Macaca se prepara para a disputa da Copinha, com início previsto para janeiro. A Ponte integra o Grupo 5, ao lado de Marília (time da casa), Atlético-BA e América-MG. O primeiro jogo é justamente contra o time mineiro, no dia 3, às 21h, no Estádio Bento de Abreu.

Veja a nota da Ponte Preta na íntegra:

Em relação ao episódio envolvendo o lateral Giovani, a Ponte Preta informa que o jogador havia sido cortado do grupo que disputaria a Copa São Paulo, por indisciplina, e estava saindo em férias quando o fato em questão ocorreu. A Ponte aguarda a conclusão das investigações policiais, com as quais irá colaborar em tudo o que for necessário, para se manifestar ou não a respeito do caso.

 

Veja também