TCE MAIO
ASSEMBLEIA MAIO DE 2022 2
Menu
quinta, 19 de maio de 2022 Campo Grande/MS
TOP MIDIA INSTITUCIONAL SUPER BANNER
Top Esporte

MS conquista 16 medalhas no Campeonato Brasileiro de Atletismo Paralímpico

A competição foi realizada no último fim de semana, com organização do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB)

09 maio 2022 - 21h23Por Elizeu Ribeiro

Representantes de Mato Grosso Sul que participaram do Campeonato Brasileiro Loterias Caixa de Atletismo Paralímpico 2022 e conquistaram 16 medalhas para o Estado. A competição foi realizada no último fim de semana, com organização do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB).

Das 16 medalhas, três foram de ouro, quatro de prata e nove de bronze. Mato Grosso do Sul participou com três clubes: Associação Sprint Social - Atletismo de Inclusão e Paratletismo, Associação Campo-Grandense Paradesportiva Driblando as Diferenças (ADD-MS) e Associação dos Corredores de Rua e Pista de Campo Grande (Acorp/CG), todos de Campo Grande.

Entre os destaques da competição está Edilson Almeida, do clube Sprint Social, de Campo Grande. O paratleta de 26 anos, natural de Iguatemi, bateu dois recordes brasileiros, pela classe T35 (paralisia cerebral). Nos 1.500 metros, atingiu 5min40s31, ficando com o ouro. Já nos 5.000 metros, faturou a medalha de bronze, com a marca de 19min43s93.

Para Marli Cassoli, técnica da ADD-MS, o campeonato significou novas experiências. “Foi estranho para mim pela primeira vez ir para um Brasileiro de Atletismo com tão poucos atletas. Mas foi bom, foi maravilhoso, transformamos nossa situação”, conta a técnica, que teve a equipe diminuída por conta da mudança nos regulamentos.

De acordo com o CPB, o Campeonato Brasileiro Loterias Caixa de Atletismo Paralímpico 2022 teve a participação de 631 atletas na capital paulista, promovendo encontros entre medalhistas paralímpicos e jovens promessas do paradesporto brasileiro.

“Mato Grosso do Sul já tem tradição em participar do Brasileiro de Atletismo Paralímpico e sempre trouxe muitas medalhas. Desta vez não foi diferente”, destaca o diretor-presidente da Fundesporte, Silvio Lobo Filho. “Mais do que subir ao pódio, nossos atletas também têm a oportunidade de adquirir experiência em meio a atletas de alto nível do paradesporto nacional”, conclui.

Os representantes tiveram apoio do Governo do Estado, por meio da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte). 

Confira abaixo os medalhistas sul-mato-grossenses:


Ouro
Selma Vargas Ferreira (ADD) - 200m RR3 (47s42)
Rosenei Herrera (Acorp/CG) - 100m RR3 (23s96)
Rosenilda Aoyama (Sprint Social) - Arremesso de peso F63 (6,44m)
 
Prata
Flávia Silvério Torquato (Sprint Social) - 100m RR3 (24s08)
Edilson de Ávila Almeida (Sprint Social) - 1.500m T35 (5min40s31) - Recorde brasileiro
Denner Turaça (Sprint Social) - Salto em distância T13 (5,89m) e nos 400m T13 (53s32)
 
Bronze
Edilson de Ávila Almeida (Sprint Social) - 5.000 metros T35 (19min43s93) - Recorde brasileiro
Jhonatan Bento Gamarra (ADD) - Arremesso de peso F35 (9,02m)
Jean Adriano Rodrigues (ADD) - 5.000m T37 (20min32s71)
Dalton Andrade (Sprint Social) - 100m T11 (12s41)
Jonatas Barbosa (ADD) - Lançamento de disco F35 (30,99m) - Recorde da competição
Nathalya Mendonça (Sprint Social) - 100m T13 (14s41)
Patryk da Silva (Sprint Social) - 200m T37 (28s78)
Luan Roberto Souza (Sprint Social) - 200m T38 (28s74)
Selma Vargas Ferreira (ADD) - 100m RR3 (25s44)