Menu
segunda, 17 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Top Esporte

Ronda passa por cirurgia plástica e ganha apoio de técnicos

16 novembro 2015 - 14h02Por UOL Esporte

A agora ex-campeã do UFC Ronda Rousey já teria um duro pós-luta após sua primeira derrota como lutadora de MMA, e ainda acrescentou um incômodo a mais, com a necessidade de uma cirurgia na boca para fechar um ferimento ocasionado na derrota por nocaute contra Holly Holm, no UFC 193, na Austrália.

De acordo com a ESPN – por meio da repórter Ramona Shelburne – Ronda já passou pela cirurgia plástica e está em recuperação em Melbourne. Ela foi hospitalizada, a princípio, por precaução, já que tomou seu primeiro nocaute na carreira.


Além disso, esperava-se que apenas tomasse pontos no lábio, mas a gravidade da lesão fez com que Dana White e companhia corressem atrás de um cirurgião plástico. Também era estudado se ela teria de operar o nariz, possivelmente fraturado, mas o UFC ainda não se pronunciou sobre a extensão do procedimento e sobre seu desfecho.

Com Ronda hospitalizada e apenas uma mensagem no Instagram, restou aos seus treinadores falarem com a imprensa e darem o clima da derrota.

Edmond Tarverdyan, técnico principal da norte-americana, afirmou que o momento é de permanecer ao lado de sua pupila e dar o apoio emocional necessário.

“Acho que todos os fãs e pessoas que a amam estão de coração partido. Eu apenas ficarei firme ao lado de Ronda. Não há palavras que possam ser ditas agora. É apenas… ficar firme ao lado dela. É assim que me sinto'', afirmou ele, que se envolveu numa discussão com a mãe da lutadora no mês anterior da luta, acusado de tratar mal a filha e outras atletas.

Para Mike Dolce, que cuida da parte nutricional da preparação de Ronda, ela voltará a lutar com a intensidade de sempre. “Ronda já perdeu antes, ela perdeu nos Jogos Olímpicos. Aquele foi um grande teste para ela, e olhe como ela se recuperou, ela voltou como uma multicampeã do MMA.