ALMS CONTAR 25/06 A 27/06
(67) 99826-0686

Vettel é punido, perde posições para Ricciardo e Max, e termina em quinto

Piloto havia terminado GP do México em quarto, mas subiu no pódio após Verstappen ter sido penalizado

31 OUT 2016
Globo Esporte
07h49min
Foto: Getty Images

Uma sucessão de punições definiu o 3º lugar no GP do México deste domingo, vencido por Lewis Hamilton (Mercedes). Após Sebastian Vettel sair irritado com Max Verstappen (RBR), que não lhe cedeu a posição por cortar caminho em disputa nas voltas finais, o alemão da Ferrari herdou o 3º lugar devido a uma penalização de 5 segundos ao holandês e fez a festa no pódio. No entanto, três horas depois, a direção de prova também puniu Vettel, por mover de linha durante a freada em disputa com Daniel Ricciardo (RBR) e puniu o tetracampeão com 10s. Com isso, no resultado final da corrida, Ricciardo terminou em 3º, seguido por Verstappen e Vettel.

Max Verstappen cruzou a linha de chegada em terceiro

Verstappen foi punido pela direção de prova por não ceder a posição a Vettel, após cortar a chicane ao se defender, em uma disputa a três voltas do fim da prova. Max teve 5 segundos acrescidos em seu tempo total de prova e caiu para quinto, perdendo as posições para o alemão da Ferrari e para Daniel Ricciardo, da RBR. Verstappen recebeu a notícia na sala em que os pilotos se arrumam para subir ao pódio, deixando o local visivelmente constrangido.

Vettel fez festa no pódio, mas também foi punido

Assim, Sebastian Vettel, herdou a terceira colocação e chegou a subir ao pódio e estourar o champanhe. Mas a direção de prova considerou que ele guiou de maneira "potencialmente perigosa" para impedir a ultrapassagem de Daniel Ricciardo, também nas voltas finais da prova,  movendo de linha no momento da freada. Os comissários já haviam sinalizado recentemente que não tolerariam manobras desse tipo, após recorrentes reclamações dos pilotos ao comportamento de Verstappen em disputas de posições ao longo do ano. Três horas após o fim da prova, veio a punição: acréscimo de 10 segundos ao tempo total de prova. Com isso, Vettel acabou caindo para quinto.

No fim, Ricciardo terminou em terceiro

Por fim, Daniel Ricciardo, que havia cruzado a linha de chegada em quinto, acabou em terceiro no resultado oficial. O australiano da RBR recebeu o troféu em uma cerimônia improvisada, já à noite e com as arquibancadas do Autódromo Hermanos Rodriguez vazias. Max Verstappen ficou com o quarto lugar. A Sebatian Vettel restou a quinta posição.

A disputa na pista:

A corrida mexicana vinha monótona até as voltas finais, quando foi incendiada por uma polêmica disputa entre Max Verstappen e Sebastian Vettel pelo terceiro lugar no pódio. O holandês recebeu a pressão do tetracampeão no fim da prova. Após levar o bote de Vettel, Max tentou frear tarde para defender a posição e acabou cortando a chicane da curva 1. Apesar de orientação da RBR, Max se recusou a ceder a posição para o alemão e, com isso, Ricciardo se aproximou. Ao ver uma brecha, o australiano colocou por dentro, mas foi fechado por Vettel em uma manobra que a direção de prova "potencialmente perigosa", aplicando penalização ao alemão.

 

Veja também