(67) 99826-0686
ALMS NOVEMBRO/ DEZEMBRO

Após reclamação de atraso de 2 meses, Fundação paga cachês de artistas regionais

Músicos regionais se apresentaram no Festival América do Sul em maio, mas só receberam neste mês

13 JUL 2018
Kerolyn Araújo
19h00min
Foto: Vaca Azul

Quase dois meses depois do Festival América do Sul, que ocorreu entre os dias 24 a 27 de maio, em Corumbá, os artistas regionais que se apresentaram no evento receberam o pagamento dos cachês. A liberação do dinheiro só ocorreu depois que eles começaram a reclamar para a imprensa.

Conforme o músico Marcos Assunção, que foi um dos selecionados por meio de edital para se apresentar no evento, o pagamento do cachê deveria ter sido feito em até 15 dias após o festival. ''Contratei músicos, tive gastos com locação de estúdio para ensaio e produção. Mas eu e outros artistas que também foram selecionados por meio de um edital criterioso não recebemos", explicou.

Segundo Marcos, ele e outros artistas entendem a burocracia, mas nada justifica o atraso de quase dois meses. ''Se já tem uma verba prevista para o festival, por que não é pago? Por que os artistas nacionais recebem antes de tocar e os regionais não? É um regionalismo hipócrita, onde o artista e a arte sul-mato-grossense não recebem a atenção merecida por parte dos produtores do evento".

TopMídiaNews entrou em contato com a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul para saber se há previsão de quando os cachês serão pagos, e foi informado que o pagamento foi realizado na tarde de quinta-feira (12).

Veja também