conadhe
tjms
(67) 99826-0686

Top da Motorola traz telão e câmera incrível para bater rival

Celulares top de linha da Motorola e Asus têm ficha técnica poderosa e promessa de grande autonomia de bateria

7 AGO 2017
Tech Tudo
12h28min
Foto: Droidlife
ciencia-e-tecnologia-interna1
99

Motorola revelou o Moto Z2 Force, novo celular premium da marca que tem lançamento garantido no Brasil. O novato disputa com alguns smartphones que já cativaram o público brasileiro e que, embora tenham mais tempo de mercado, ainda apresentam um conjunto de especificações técnicas e preços interessantes, como é o caso do Zenfone 3 Zoom, da Asus.

Os telefones trazem como destaque a câmera dupla, que promete fotos incríveis, além de tela grande e boa quantidade de armazenamento. A seguir, o TechTudo fez um comparativo de ficha técnica dos aparelhos para ajudar você a descobrir qual dos dois é a melhor escolha.

Tela

Na tela, a vantagem é toda do aparelho da Motorola. Em 5,5 polegadas, o Moto Z2 Force oferece uma resolução Quad HD de 2560 x 1440 pixels, superior ao Full HD (1920 x 1080 pixels) disposto nas mesmas 5,5 polegadas do Zenfone 3 Zoom. Graças à resolução maior, o Moto tem uma densidade de pixels superior: 534 pixels por polegadas contra 400 ppi. Assim, o telefone deve oferecer visuais mais bem definidos na hora de ver fotos, vídeos e curtir vídeos em aplicativos como YouTube, Netflixe Amazon Prime.

Outra vantagem do display da Motorola é a proteção de vidro ShatterShield ? a mesma do Moto X Force ? considerada inquebrável pela marca. Em nossos testes, o celular sobreviveu intacto a uma queda de quase 2 metros.

Câmeras

Ambos os aparelhos possuem câmeras traseiras com duas lentes e sensores de 12 megapixels. As fabricantes prometem ótimas imagens, com recurso de profundidade de campo, que destaca o objeto e desfoca o fundo. A diferença está na abertura com abertura: o Zenfone 3 Zoom tem f/1.7, enquanto o Moto Z2 Force possui f/2.0. Em tese, o celular da Asus deve oferecer fotos mais claras, já que oferece maior entrada de luz. No entanto, em nossos testes, a câmera do Zoom, seu principal atrativo, apresentou algumas deficiências. Para vídeos, ambos gravam em 4K.

Com relação às câmeras frontais, a vantagem é do Zenfone 3 Zoom: o sensor dianteiro do aparelho da Asus oferece 13 megapixels de resolução, com abertura f/2.0. O Moto Z2 Force, por outro lado, tem um sensor de apenas 5 MP na parte dianteira, com abertura f/2.2.

Armazenamento

Nesse quesito, os dois aparelhos devem ser uma boa aquisição. O Zenfone 3 Zoom tem versões com armazenamento de 32 GB, 64 GB e 128 GB. Do lado da Motorola, há opções com memória interna de 64 GB ou 128 GB, mas, até agora, a fabricante não divulgou qual modelo chegará ao Brasil. Vale lembrar que os dois modelos suportam cartões de memória microSD de até 2 TB, que ainda não existem no mercado.

Processador e memória RAM

Fãs dos aparelhos da Motorola devem ficar animados com a chegada do Moto Z2 Force ao Brasil. Isso porque o dispositivo será comercializado com memória RAM de 6 GB no mercado nacional, ao contrário dos 4 GB do modelo vendido nos Estados Unidos. A vantagem também se repete sobre o Zenfone 3 Zoom, encontrado no Brasil em versões com RAM de 3 GB ou 4 GB.

Por ser mais recente, o Moto Z2 Force repete a vantagem quando o assunto é o processador. O novo celular da Motorola utiliza o Snapdragon 835 da Qualcomm, chipset premium da marca para este ano. O processador supera em performance o Snapdragon 625 do Zenfone, que, embora possua oito núcleos, tem desempenho inferior.

Na prática, o hardware do Moto Z2 Force é mais vigoroso do que o do Zenfone 3 Zoom. O processador mais esperto pode fazer diferença em jogos, dando maior respaldo para rodar games pesados no smartphone. A grande quantidade de RAM é um fator positivo para quem costuma rodar muitos apps ao mesmo tempo, pois garante que o aparelho apresente desenvoltura na hora de transitar entre jogos, redes sociais, reprodutores de mídia e etc.

Versão do Android

O Moto Z2 Force roda Android 7.1.1, a versão mais atualizada do sistema do Google. O Zenfone 3 Zoom, de um ciclo de lançamentos anterior, chega de fábrica com o Android 6. Entretanto, o telefone da Asus já conta com atualização disponível para o Android mais recente.

Bateria

O Zenfone 3 Zoom tem uma das maiores baterias do mercado na atualidade, com capacidade de 5.000 mAh. Segundo a Asus, isso é suficiente para até 13 horas de ligações com 3G.

Por outro lado, a Motorola oferece quase a metade da capacidade do rival: a bateria do Moto Z2 Force é de 2.730 mAh. Segundo a fabricante, a quantidade é o suficiente para manter o aparelho o dia todo longe da tomada.

Recursos extras

Para o Moto Z2 Force, a Motorola continuará oferecendo a linha de acessórios Moto Snaps – que ganha o reforço de uma capinha com câmera de 360 graus. Além disso, ele é compatível com uma case no estilo GamePad, que basicamente transforma o celular num análogo do Nintendo Switch, ao menos na aparência.

Além disso, ambos os telefones contam com sensor de impressões digitais que permite o bloqueio e desbloqueio de tela com maior segurança.

Preço e custo-benefício

Ainda não há previsão de preço e data de lançamento do Moto Z2 Force no mercado brasileiro, mas é possível fazer algumas estimativas. Nos Estados Unidos, o celular chega por US$ 700, o equivalente a cerca de R$ 2.200. Considerando impostos, e mesmo o fato de que a versão nacional do telefone tem mais memória RAM do que a norte-americana, pode-se esperar um preço salgado.

O fator custo-benefício acaba recolocando o Zenfone 3 Zoom no páreo. Ao considerar a versão de 64 GB do celular da Asus, o preço fica em torno de R$ 1.800 no mercado nacional. A rigor, o Zenfone 3 Zoom tem tela inferior e conjunto de processador e memória RAM mais limitados. Entretanto, a bateria de vastos 5.000 mAh pode compensar essas concessões.

Caso ainda não tenha se decidido, outra boa opção com Android e bom custo-benefício pode ser Galaxy S7. O smartphone top de linha da Samsung em 2016 teve queda de praticamente 50% desde seu lançamento.

ciencia-e-tecnologia-interna2
nando viana

Veja também