FAPEC
Assembleia a  04 a 18/12
(67) 99826-0686
Word Wine - almoco japones

Rio Taquari atinge nível de emergência; Defesa Civil e Imasul emitem alerta

Devido o nível do rio ter subido acima da média normal, órgãos pedem atenção de moradores da região

29 NOV 2017
Coxim Agora
15h38min

O rio Taquari atingiu 5,10cm por volta de 18h30min desta terça-feira (28), ou seja, ultrapassou o nível do seu curso normal que é 4,02cm, fazendo com que a Defesa Civil de Coxim, a 266 km de Campo Grande, e o Imasul (Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) emitissem um aviso de situação de emergência e alerta.

Apesar de o nível do rio Taquari ter recuado para 4,91cm na manhã desta quarta-feira (29), os órgãos mantiveram o estado de alerta, pois a previsão é de chuva para os próximos dias nos municípios da região Norte do Estado.

Conforme o aviso, no início da manhã segunda-feira (27) o rio apontava um nível de 4,11cm, ou seja dentro da normalidade, mas no mesmo horário de terça-feira, registrou 4,22cm, uma subida de 11 cm em 24 horas. No entanto, ás 18h30min de ontem foi marcado 5,02cm, ou seja, uma subida de 80cm em 11h30min sendo que continua em ascensão.

Devido o nível do rio ter subido acima da média normal, iniciou o processo de invasão das águas de instalações que margeiam o curso do rio, podendo ocorrer danos materiais e colocando em risco a integridade humana nas próximas 24 horas.

Orientações

A Defesa Civil informa que em casos de inundação, ou seja, a saída do rio de sua calha natural inundando as margens e região vizinha, a população deve seguir as orientações;

– Não ocupando áreas baixas, irregulares e às margens de rios;

– Caso perceba que o volume de água está subindo, ameaçando seus bens e documentos, ponha-os a salvo, elevando e protegendo-os, sempre que possível;

– Não deixe que equipamentos elétricos entrem em contato com a água;

– Proteja-se em locais elevados até a água baixar;

Caso tenha que deixar sua residência, por solicitação da Defesa Civil ou porque há indícios de colapso estrutural (ex.: rachaduras e trincas nas paredes), procure:

– Preparar uma mochila (sacola) e levar consigo, embalados em plástico de forma a não molhar, muda de roupas, documentos, remédios importantes e telefone celular (com carregador);

– Fechar todos os registros de água e de gás de cozinha;

– Desligar a energia elétrica da casa (na chave geral);

– Deixar seus animais de estimação presos no quintal (sem coleira) com água e comida;

– Trancar a casa toda.-

– Evite ultrapassar áreas inundadas, alagadas ou com rápida movimentação de água, sobretudo a pé, de bicicleta ou motocicleta. Tais áreas podem esconder buracos e obstáculos que podem ser perigosos;

– Mantenha-se afastado de postes e cabos elétricos;

Veja também