FAPEC
Assembleia a  04 a 18/12
(67) 99826-0686
Gov presente - transparencia

Governo publica exoneração de ex-superintendente da Sejusp

Coronel Deusdete Souza Oliveira Filho deixa cargo oficialmente

13 FEV 2017
Rodson Willyams
10h13min
Foto: Reprodução / NotíciasMS

Publicado no Diário Oficial do Estado desta segunda-feira (13), a exoneração do agora, ex-superintendente de Segurança Pública, da Sejusp, coronel Deusdete Souza Oliveira Filho. A exoneração aconteceu após o próprio coronel pedir demissão, após o Gaeco realizar a Operação Girve, que deflagrou várias operações no sistema penitenciário em Mato Grosso do Sul identificando diversas irregularidades.

Conforme consta no Decreto "P", N. 756, de 10 de fevereiro de 2017. O governador Reinaldo Azambuja, do PSDB, de posse de suas atribuições exonerou a pedido, o coronel Deusdete Souza, do cargo em comissão de Direção Superior e Assessoramento, símbolo DGA-1, na Secretária de Estado de Justiça e Segurança Pública, na função de Superintendente da Superintendência de Segurança Pública. 

Deusdete retorna ao quadro de pessoal de Poder Executivo Estadual, com efeito a partir da publicação. Além disso, o governador também revogou no Decreto “P” N. 757, de 10 de fevereiro de 2017, o Decreto “P” n. 4.226, de 16 de setembro de 2016, de convocação de militares para o serviço ativo da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, na parte referente ao Coronel PM RR Deusdete Souza de Oliveira Filho. Os efeitos começam a partir da data de publicação. 

Segunda queda 
Esta foi a segunda exoneração envolvendo o setor de segurança pública do Estado, após o juiz aposentado Ailton Stropa Garcia, que comandava a Agepen, pedir exoneração da direção. Stropa foi alvo na Operação Girve, e teve duas residências em Campo Grande e Dourados, vasculhadas pelo agentes do Gaeco, além do gabinete na sede da Agepen que contou com a presença da coordenadora da Gaeco, Cristiane Mourão, no local.
 
Para ocupar a vaga de Stropa, foi convidado o agente penitenciário Aud de Oliveira Chaves, assume interinamente o cargo de diretor-presidente da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen). Aud é servidor de carreira do sistema penitenciário estadual e assume a instituição com algumas metas prioritárias, entre elas a questão da ressocialização dos internos, que atualmente tem sido implementada no sistema penitenciário de Mato Grosso do Sul sendo destaque nacional.

Veja também