TCE Novembro
TJMS DEZEMBRO
Menu
sexta, 03 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Campo Grande

Com onda de aumentos, Capital registra gasolina a quase R$ 5 na periferia

Combustível ganhou reajuste de 1,4% nas refinarias, mas ainda é possível encontrar gasolina a R$ 3,999

31 agosto 2018 - 19h00Por Dany Nascimento

A população campo-grandense deve ficar atenta e pesquisar bem antes de abastecer, já que o preço da gasolina sofre consideráveis variações na Capital. Em algumas regiões da cidade, a gasolina está sendo comercializada a quase R$ 5 e a diferença pode aumentar após anúncio de reajuste de 1,4% nas refinarias.

De acordo com a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), até o último sábado (25), um posto na Avenida Joao Lemes de Rezende, no bairro Itamaracá, estava vendendo o litro da gasolina por R$ 4,979.

Apesar disso, ainda é possível encontrar combustíveis mais baratos. Conforme a tabela apresentada pela ANP, a maioria dos postos mantém R$ 3,99 o litro da gasolina, mas o valor também deve variar de acordo com a forma de pagamento do cliente - dinheiro, débito ou crédito. O preço mais baixo encontrado na cidade, durante o período pesquisado, é de R$ 3,940 o litro, na região do bairro Guanandi e Vila Progresso.

De acordo com o Sindicato dos Postos de Combustíveis de Mato Grosso do Sul, o mercado é livre para estipular os preços, mantendo redução de R$ 0,01 a 0,02 centavos, com objetivo de ganhar do concorrente.

Um novo aumento nos valores foi anunciado ontem (30) e o consumidor já começa a sentir diferença nesta sexta-feira (31). Conforme o site da estatal, o preço da gasolina sofreu reajuste de 1,4% nas refinarias, sendo este o maior índice diário desde que a companhia adotou a política de repasses por dia, em julho do ano passado.