TCE MAIO
TJMS MAIO
Menu
quinta, 26 de maio de 2022 Campo Grande/MS
TOP MIDIA INSTITUCIONAL SUPER BANNER
Campo Grande

Gerência operacional na Praça do Rádio dará suporte à guarda municipal na região central

A Gerência Operacional da Região Centro conta com um efetivo de 140 Guardas Civis que realizam patrulhamento de roda a região

27 agosto 2018 - 15h40Por PMCG

No mês em que Campo Grande completa 119 anos, a população recebe de presente um reforço na segurança pública, com a entrega do novo prédio da Gerência Operacional da Região Centro. Nesta manhã, o prefeito Marquinhos Trad inaugurou a base, que está instalada na Praça do Rádio Clube.

A Gerência Operacional da Região Centro conta com um efetivo de 140 Guardas Civis que realizam patrulhamento de roda a região. Para isso o efetivo conta com três motocicletas, dois veículos (1 carro e 1 caminhonete) e 2 bicicletas.

Durante o evento, o chefe do Executivo Municipal lembrou que o objetivo da Prefeitura é capacitar constantemente a Guarda Municipal para apoiar as demais instituições de Segurança Pública, como a Polícia Militar, a Policia Civil, e até as forças federais.

“Esse trabalho em conjunto, essa integração, visa aumentar a segurança efetiva na Capital. Ao invés de jogarmos a responsabilidade para a esfera estadual e federal, estamos empenhados na busca de recursos para melhorar a questão em nossa Capital e a instalação dessa base no centro é sem dúvida um passo importante para avançarmos neste sentido. Essa base da Guarda sem dúvida trará alívio para os 71 mil moradores da região central da nossa cidade”, justificou Marquinhos.

O secretário Especial de Segurança e Defesa Social, Valério Azambuja lembrou que até o ano de 2016, a Praça do Rádio Clube era ocupada por usuários de drogas e que a população que reside na região sentia-se insegura com a falta de policiamento preventivo na área.

“A atual gestão, logo que assumiu, no início de 2017 colocou um contingente mínimo de guardas na praça para coibir a presença de marginais e já foi trabalhando nesse projeto maior, que através da parceria da Associação Comercial e da Câmara Municipal, conseguiu instalar uma base para que o efetivo aqui fosse permanente. A prefeitura está levando a sério a questão da Segurança Pública e essa gerência do centro é apenas o começo de muitas ações importantes para a população”, ressaltou Azambuja.

Em nome do Comando Geral da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, o tenente-coronel Almeida reconheceu o esforço da prefeitura em contribuir com a segurança pública da Capital. “Ações como essa só acontecem quando temos bons administradores. Campo Grande vive um momento diferente e, como cidadão dessa cidade posso afirmar que a atual administração tem feito um trabalho de excelência ao somar com as forças policiais para a segurança preventiva e ostensiva, através de seu efetivo da Guarda Municipal”.

A Região Centro tem 71 prédios públicos municipais, que são atendidos com Guardas Civis e rondas preventivas diuturnamente. De acordo com o chefe da Gerência Operacional da Região Centro, Gcm Marco Antônio Thill, a unidade garantirá melhores condições de trabalho para os guardas civis que fazem rondas e patrulhamentos constantes na região central.

“É sem dúvida uma valorização e demonstração de respeito para com o servidor. Criar condições estruturais dignas para que o guarda possa trabalhar, sem dúvida melhora a produtividade e quem ganha com isso é a população”, defende Thill.

Após 28 anos de existência, a Guarda Civil Municipal de Campo Grande foi elevada ao status de secretaria em dezembro de 2014 e hoje conta com efetivo de aproximadamente 1,2 mil pessoas.

O evento de inauguração da Gerência Operacional da Região Centro contou com a presença do chefe de Gabinete do Prefeito, Alex Gonçalves, do vereador Valdir Gomes e de secretários e chefes de autarquias e órgãos públicos municipais.