Menu
domingo, 03 de março de 2024 Campo Grande/MS
Campo Grande

Marquinhos assina decreto que dá 'upgrade' em salário dos administrativos da saúde

Ao todo, 871 servidores terão direito ao benefício

28 janeiro 2019 - 10h38Por Rodson Willyams

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) assinou, nesta segunda-feira (28), o decreto de concessão de produtividade SUS (Sistema Único de Saúde), que vai beneficiar 871 servidores do administrativo da Secretaria Municipal de Saúde. Durante o evento, Marquinhos afirmou que o município fez 'justiça social' com os servidores.

Conforme o decreto assinado, terão direito a receber a produtividade: dois agentes de atividades educacionais; 114 ajudantes de operação; quatro artífice de copa e cozinha; 30 assistentes administrativos I e 322 assistentes administrativos II; 247 assistentes de serviços em saúde; 55 auxiliares de serviços diversos; 18 auxiliares sociais I e mais 73 auxiliares sociais II; um digitador, um redator e quatro telefonistas.

Segundo o decreto, os servidores terão o reajuste da concessão da produtividade SUS de forma gradativa nos salários, recebendo o acréscimo de R$ 200 nos meses de janeiro e fevereiro; logo depois, R$ 400 em março e abril, e a partir de maio até dezembro, receberão o acréscimo de R$ 600 nos vencimentos.

Aos servidores, o prefeito disse que desconhecia a realidade destes servidores e está fazendo 'justiça social' aos que ficaram sem o benefício desde 2004. "Esse benefício já existia e está sendo reconhecido e atualizado dando um upgrade a todos os assistentes administrativos que, desde 2004, estavam sem receber. Esse servidores são da ponta do atendimento das unidades de saúde e estamos devolvendo aqueles que tinham direito".

Marquinhos ainda lembrou que o pagamento não será retroativo por impossibilidade financeiras do município. "Mas corrigimos e atualizamos esse benefício. Estamos entregando o que é de direito e não era reconhecido. Todos os recursos e investimento têm sido feito com recursos dos impostos. E nós estamos olhando para os pequenos, médios e altos servidores do município", finaliza.