TCE Novembro
Menu
domingo, 05 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
CAMARA - vacinaçao
Campo Grande

Prefeitura inicia microrrevestimento em 20 ruas de Campo Grande

Confira todas as rotas que vão receber o reforço no asfalto

15 agosto 2018 - 12h56Por PMCG

A Prefeitura  de Campo Grande vai aplicar 29,4 km de microrrevestimento,  abrangendo trechos de 20 ruas das regiões urbanas da cidade. Esta é a primeira etapa do serviço  previsto no contrato do tapa-buraco firmado em dezembro do ano passado, com a reserva de R$ 14,9 milhões, 42% do valor de R$ 34,2 milhões.

Em toda a cidade foram identificados 112 quilômetros de vias onde o asfalto está em condições de receber o microrrevestimento. O material prolonga o tempo de vida útil do asfalto, evita o surgimento crateras, sobretudo depois de chuvas, pois onde são feitos remendos, as ondulações e fissuras por onde a água penetra, acaba por abrir novos buracos.

Segundo o secretário municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, o microrrevestimento não pode ser confundido com o recapeamento, modo em que o asfalto é praticamente refeito. “O micro  tem na sua composição emulsão asfáltica, que impermeabiliza o pavimento”, explica. Justamente por essa característica, não é indicada  em ruas onde asfalto já está comprometido pela ação do tempo. “Dos mais de 2.900 quilômetros que compõem a malha viária pavimentada de Campo Grande, pelo menos em 1.500 quilômetros, a única alternativa para recuperar o asfalto é o recapeamento”, pontuou.

Ao longo desta semana as empreiteiras vão preparar os trechos onde será feito o microrrevestimento, que ano passado foi aplicado em vias como a Padre João Crippa (entre a Afonso Pena e Mato Grosso), Raul Pires Matos e Pontalina. Equipes das empresas estão trabalhando em vias como a Teldo Kasper, na Chácara Cachoeira; Vicente Solaris, na Vila Bandeirantes; Ezequiel Ferreira, Arquiteto Vila Nova Artigas, no Aero Rancho; preparando as ruas para receber o “micro”.

“O serviço não pode ser confundido com o tapa-buraco e com o recapeamento. É uma manutenção preventiva que vai garantir mais de quatro a cinco anos e vida útil ao pavimento. Não pode ser aplicado em ruas onde o asfalto já está comprometido porque foi feito há décadas”, explica o engenheiro Edvaldo Aquino, supervisor da manutenção de vias pavimentadas.

Os trechos que receberão microrrevestimento nesta primeira etapa contemplam vias estratégicas para o sistema viário, como  a Rio Grande do Sul, Eduardo Santos Pereira, Amazonas, dentre outras da região urbana do centro; a Avenida Capibaribe, região do Imbirussu, ligação da Avenida Júlio Castilho com a aeroporto.

Região do Segredo  2.350 metros

Rua Pedro Balduíno da Silva (entre as ruas Sargento Hércules Santos de Campos e Benito Melchiades) – 650 metros

Rua Cotegipe (entre as ruas Euler de Azevedo e Benito Melchiades) – 1,3 km

Benedito de Oliveira (entre as ruas Pedro Balduíno e Carlos Scartine)  – 400 metros

Lagoa – 700 metros

Rua Vicente Solaris (entre a Avenida Bandeirantes e a Avenida Tiradentes)

Anhanduizinho – 3.550 metros

Arquiteto Vila Nova Artigas (entre a Avenida Gunter Hans e a Avenida Tancredo Neves) – 1,1 km

Avenida Ezequiel Ferreira Lima (entre a Avenida Vereador Thyrson de Almeida e a Rua da Divisão) – 1,7 km

Rua Jornalista Valdir Lago (ente a Avenida Ezequiel Ferreira e a Avenida Arquiteto Vila Novas Artigas) – 750 metros

Centro – 11,6 km

Rua Pernambuco (Entre a Avenida Ceará  e a 13 de maio) – 2,5 km

Rua Amazonas  (Entre as ruas Maranhão e 13 de maio) – 1,7 km

Rua Arthur Jorge (Entre a Avenida Rachid Neder e Rua Joaquim Murtinho) – 2,8 km

Rua Eduardo Santos Pereira (Entre as ruas 13 de Maio e Avenida Ceará) – 2,5 km

Rio Grande do Sul –  2,1 km

Entre as ruas Amazonas e Avenida Ricardo Brandão

Imbirussu – 3,8 km

Avenida Capibaribe (Entre as ruas Júlio de Castilho e Murilo Rolim Júnior) – 1,8 km

Rua Yokoama (Entre as avenidas Ministro José Linhares e  Presidente Café Filho) – 600 metros

Rua Ricardo Franco (Entre as ruas Júlio de Castilho e Fernando de Noronha) – 1,4 km

Prosa – 4,3 km

Rua Dr. Zerbini (Entre as ruas Arquiteto Rubens Gil de Camilo e Dr. Mário Gonçalves) – 1,1 km

Rua Dr. Michel Scaff (Entre as ruas Dr. Antônio Alves Arantes e Dr. Mário Gonçalves) – 800 metros

Rua Teldo Kasper (Entre as ruas Dr. Antonio Alves Arantes e Cel. Cacildo Arantes) – 500 metros

Rua Eduardo Machado Metello (Entre as ruas Dr. Antônio Alves Arantes e Rua do Orvalho) – 900 metros

Rua Marcino dos Santos (Entre Avenida Afonso Pena e Rua Raul Pires Barbosa) – 550 metros

 Rua Oceano Atlântico – 450 metros

Bandeira – 1 km

Rua Cayova (Entre a Avenida Eduardo Elias Zahran e a Rua Marquês de Lavradio)