Menu
quarta, 23 de setembro de 2020
Cidade Morena

Atletas de Karatê do Rede Solidária são destaque em competição na Capital

O Karatê tem por filosofia a busca pela elevação espiritual, além do desenvolvimento da força física e mental

21 abril 2019 - 12h00Por Redação/Portal do MS

Buscando o fortalecimento emocional, auto-controle e concentração dos atletas praticam a modalidade de Karatê, o Programa Rede Solidária levou ao Campeonato Campo-grandense de Karatê Kenshi-Kai vinte quatro atletas das duas unidades do programa, que é desenvolvido pelo Governo de Mato Grosso do Sul, e gerenciado pela Secretaria de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast).

O Campeonato deste ano aconteceu no Ginásio de Esportes da Escola Estadual Joaquim Murtinho, é uma promoção da Federação de Karatê Kenshi-Kai de Mato Grosso do Sul com apoio do Governo do Estado através da Secretaria de Educação (SED) e da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte).

Dos 24 atletas, três competiram na modalidade Baby, até seis anos, conquistando todos o primeiro lugar na categoria. Outros seis alunos também alcançaram o primeiro lugar, desta vez na modalidade luta real em três categorias sendo leve, médio e pesado. Três competidores do programa alcançaram o terceiro lugar nesta mesma modalidade. Já o vice-campeonato foi conquistado por mais seis atletas, um deles é o aluno Pedro Jorge, de 12 anos, que participou pela segunda vez da competição.

O desenvolvimento da oficina de Karatê na Rede Solidária faz parte do módulo de ação Educação, Cultura e Esporte que visa promover o desenvolvimento individual através da educação, cultura, esporte, lazer, promovendo fortalecimento dos vínculos familiares e garantindo cidadania por meio de atividades culturais, educativas e assistenciais.

Saúde para o corpo e mente

O Karatê tem por filosofia a busca pela elevação espiritual, desenvolvimento da força física e mental, desenvolvimento cultural e cavalheirismo, integrando saúde do corpo e da mente. É uma arte marcial milenar, tem sua origem no Oriente (Índia ou China), busca a promoção da defesa sem armas, usando as mãos, os pés, os joelhos, os cotovelos e até mesmo a cabeça.

Leia Também

Comissão do Pantanal confirma visita a Corumbá
Geral
Comissão do Pantanal confirma visita a Corumbá
Desemprego na pandemia tem alta de 27,6% em quatro meses, aponta IBGE
Geral
Desemprego na pandemia tem alta de 27,6% em quatro meses, aponta IBGE
PRF apreende 417 Kg de maconha e recupera veículo em Guia Lopes da Laguna
Polícia
PRF apreende 417 Kg de maconha e recupera veículo em Guia Lopes da Laguna
MS já passa dos 65 mil casos confirmados do coronavírus
CORONAVÍRUS
MS já passa dos 65 mil casos confirmados do coronavírus