TJMS - novembro
tce novembro
Menu
Busca terça, 19 de novembro de 2019
Cidade Morena

Campanha de Natal doa 3,6 toneladas de alimentos em Campo Grande

As arrecadações foram destinadas a 7 instituições que realizam assistência social

14 dezembro 2016 - 09h17Por Fundação Manoel de Barros

Para contribuir com as comemorações de fim de ano de famílias carentes e instituições beneficentes de Campo Grande, a Fundação Manoel de Barros (FMB) e a Uniderp, realizaram a IV Campanha Natal Solidário, que arrecadou 3,6 toneladas de alimentos.

As arrecadações foram destinadas a 7 instituições de Campo Grande que realizam assistência social a crianças, adolescentes, adultos e idosos, sendo os alimentos utilizados normalmente para elaboração de cestas básicas.  As entidades beneficiadas foram: Associação Familiar da Comunidade Negra São João Batista, CICA – Centro de Integração da Criança e Adolescente, Segunda Casa, Associação Escola Clinica Santa Terezinha, Asilo São João Bosco, Associação de Moradores Jardim das Perdizes e Casa Abraão.

O diretor da Fundação Manoel de Barros, Marcos Henrique Marques agradeceu ao apoio dos amigos e parceiros que contribuíram com a campanha. “Com esse apoio pudemos realizar esta ação. Não vamos acabar com a fome das famílias, mas nossa intenção é apoiar e dar impulso ao trabalho das entidades”, declara.

“Não estamos doando apenas alimentos, mas está indo também amor e carinho de todos que contribuíram com a campanha”, comenta a representante da Universidade Uniderp, Patrícia Bueno.

Presidente do projeto Segunda Casa que atende crianças e adolescentes vítimas de violência , exploração e ou abuso sexual, Silvano de Sena Ferreira demonstra gratidão pelas doações do Natal Solidário e reforça a importância de apoio como estes. “Esta ação vai ajudar mais de 500 pessoas. Agradeço muito este apoio, pois nosso trabalho é árduo e campanhas como esta nos dá forças para continuar nesta luta em prol de uma sociedade melhor. As pessoas, muitas vezes, não tem dimensão de como é a felicidade de uma família ao passar o Natal e o Ano Novo com um alimento na mesa”.