Menu
sábado, 21 de maio de 2022 Campo Grande/MS
GOV EMPREGO MAIO
Cidades

À espera de frio de 4°C, mudança começa no sábado com chuva e mínimas despencam na segunda

Chuvas acontecem neste final de semana, mas temperaturas recordes começarão a ser sentidas na madrugada de segunda-feira

13 maio 2022 - 15h16Por Vinicius Costa

Mato Grosso do Sul vive a expectativa de receber a onda intensa de frio na próxima semana, que promete durar pelo menos dez dias. 

Nesse meio tempo, diversas cidades registrarão vários recordes de temperaturas, como Campo Grande, que deverá registrar mínimas de 6°C, a mais baixa do ano.

Os primeiros indícios de mudança acontece neste final de semana com a presença das chuvas em grande parte do estado. Elas que serão responsáveis por abrir a margem para a mudança climática, trazendo temperaturas mais amenas, mas também deixando espaço para a entrada da massa de ar polar.

Na madrugada de segunda-feira (16), a região sul do estado passa a sentir as temperaturas cair bruscamente com mínimas beirando os 10°C, como nas cidades de Dourados, Ponta Porã e Amambai.

Porém, é na terça-feira (17) que a intensa onda de frio deve se manifestar com maior força nas regiões sul e centro-norte. O sistema Meteored aponta que Mundo Novo e região devem passar a registrar mínimas de 6°C e máximas de 15°C. Campo Grande também passa a ser 'castigado' pelo frio com mínimas de 9°C.

A promessa de quebra de recordes nas temperaturas acontece na quarta-feira (18), com a Capital marcando 6°C, mas podendo ter sensação beirando o 0°C e cidades do leste e também do Pantanal passam a sentir o frio com maior incidência - a exemplo disso, Corumbá viverá dias com mínimas de 10°C e Miranda com 8°C.

A meteorologia acredita que essa onda de frio resultará em mais um recorde para o estado, colocando com as menores temperaturas do ano até o momento.

Além disso, há probabilidade para ocorrência do fenômeno de geada, principalmente na região sul do estado.