Menu
sexta, 04 de dezembro de 2020
Cidades

Equipe de investigação da FAB é enviada a MS

Cenipa

20 outubro 2013 - 16h24Por Juliene Katayama

A Força Aérea Brasileira (FAB) enviou, na tarde deste domingo (20), uma equipe do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aéreos (Cenipa) para apurar as causas do acidente aéreo na região de Corumbá que matou cinco pessoas. 

Segundo a FAB, a Cenipa não tem caráter punitivo, o objetivo é detectar os fatores que levaram a queda do monomotor para evitar futuros acidentes aéreos. A investigação de possíveis culpados pela queda será feita pela Polícia Civil. 

Ainda de acordo com a FAB, a investigação é demorada e sem prazo para ser concluída. Os destroços foram encontrados em uma área alagada, cerca de dois quilômetro da propriedade chamada Mirador, que também fica na região do Pantanal.

Acidente - O pecuarista Ricardo Jardim de Almeida, sua esposa, a marqueteira Fernanda Braga dos Santos Almeida, a filha do casal, Valentine, a babá da criança e o amigo, gerente da fazenda, decolaram com o monomotor de prefixo PTNKO, modelo P28R, do aeródromo Teruel na Capital, às 5h30, e seguia para a fazenda Santa Gertrudes, em Corumbá. Mas caiu por volta das 8h10 depois do piloto declarar emergência. 

Leia Também

Ao comentar sobre alta na conta de luz, Bolsonaro pede banho rápido à população
Geral
Ao comentar sobre alta na conta de luz, Bolsonaro pede banho rápido à população
Arrendatários de fazenda são presos por crime ambiental e explorar trabalhadores em Nioaque
Interior
Arrendatários de fazenda são presos por crime ambiental e explorar trabalhadores em Nioaque
Blogueiro russo é suspeito de trancar mulher semi-nua no frio e transmitir morte dela ao vivo
Geral
Blogueiro russo é suspeito de trancar mulher semi-nua no frio e transmitir morte dela ao vivo
Executado no Noroeste, Edilson dos Anjos 'fez o inferno' quando cumpriu pena em Goiás
Cidade Morena
Executado no Noroeste, Edilson dos Anjos 'fez o inferno' quando cumpriu pena em Goiás