Menu
sábado, 15 de agosto de 2020
Cidades

Esquecimento gera lucro para ambulantes no Enem

Enem

26 outubro 2013 - 12h30Por Marithê Lopes

O Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), começou na tarde deste sábado, 26 de outubro, com bastante movimento e tensão nos portões dos estabelecimentos de ensino, onde são realizadas as provas. Muitos candidatos esqueceram de levar a caneta, ou quando chegaram no local são informados de que a cor que carregam não é permitida (apenas a caneta de cor preta é permitida no Enem).


Sabendo disso, o vendedor ambulante Walter Luis, 49 anos, instalou sua barraca bem em frente ao local da prova e além de água, refrigerante, bombons e balas, oferece também canetas pretas. Na Facsul, localizada na Avenida Afonso Pena, uma jovem chegou minutos antes do fechamento do portão e percebeu que portava apenas caneta azul e teve que contar com o famoso jeitinho brasileiro para não perder o Enem. 

Leia Também

Menino de 3 anos não resiste e morre após cair em piscina em Campo Grande
Cidade Morena
Menino de 3 anos não resiste e morre após cair em piscina em Campo Grande
Menino de nove anos é achado morto após ter faca cravada no peito em Douradina
Interior
Menino de nove anos é achado morto após ter faca cravada no peito em Douradina
Homem de 40 anos é executado em conveniência em Ponta Porã
Interior
Homem de 40 anos é executado em conveniência em Ponta Porã
Em delação, 'Doleiro dos doleiros' diz que levava pacotes de dinheiro para donos da Globo
Geral
Em delação, 'Doleiro dos doleiros' diz que levava pacotes de dinheiro para donos da Globo