Menu
segunda, 25 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
Cidades

Estacionar no Centro da Capital pode levar até 40 min

Comércio

24 dezembro 2013 - 15h42Por Lucas Arruda

Conseguir estacionar no Centro de Campo Grande nesta véspera de Natal é uma tarefa complicada. Quem deixou as compras para a última hora e não quiser pagar estacionamento particular pode levar até 40 minutos para conseguir uma vaga nas ruas principais do Centro.

Para o funcionário público Acymar Baptista, deixar as compras de Natal para a última hora teve um custo alto: a paciência. "Eu rodei 40 minutos aqui pelo Centro até conseguir achar uma vaga. Estou com meu filho pequeno, ele fica agitado. O trânsito está muito mais intenso hoje", avaliou.

No entanto, para muitos, mesmo com a demora é melhor rodar até conseguir uma vaga na rua, do que pagar o preço dos estacionamentos particulares, que variam de R$5 até R$12 a hora.

"Compensa muito mais vir de táxi, pois como tem muita gente aqui, acabamos perdendo mais tempo ficando em filas e escolhendo o presente, assim se for pagar estacionamento gastaremos com horas extras", ressaltou o representante comercial Odenir Casagrande.

Já os proprietários dos estacionamentos se defendem. "Não tem o que reclamar. Na rua não tem segurança nenhuma, os carros podem ser arranhados, podem sofrer batidas e se isso acontecer aqui dentro nós cobrimos o prejuízo", argumentou Leila Mamed. "Campo Grande tem um dos estacionamentos mais baratos do país", acrescentou.

Leia Também

Humilhação em Campo Grande faz Carrefour ser assunto mais comentado no Twitter
Campo Grande
Humilhação em Campo Grande faz Carrefour ser assunto mais comentado no Twitter
Paulo Guedes volta a sugerir privatização da Petrobras
Geral
Paulo Guedes volta a sugerir privatização da Petrobras
Idoso morre em batida de bicicleta e carro em Ponta Porã
Interior
Idoso morre em batida de bicicleta e carro em Ponta Porã
Fazendeiros protestam e jogam leite no prédio da Energisa em MS (veja vídeo)
Interior
Fazendeiros protestam e jogam leite no prédio da Energisa em MS (veja vídeo)