TJMS JUNHO 2024
FIEMS JUNHO

sexta, 21 de junho de 2024

Busca

sexta, 21 de junho de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Cidades

20/08/2017 13:50

Governo monta megaestrutura para receber candidatos em concurso da Polícia Civil

Aparelho da Anatel que mede a frenquência está no local para evitar fraudes no concurso

Cerca de 10 mil pessoas participam neste domingo (20), do processo seletivo para delegado de Polícia Civil que acontece na Uniderp, em Campo Grande. Uma megaoperação foi montada pela organização do concurso: Fapems, Governo do Estado e Anatel. Ao todo, 870 pessoas entre colaboradores e agentes da polícia civil recebem os candidatos cuja a maior parte veio de fora do Estado.

Segundo o secretário de Administração do Governo do Estado, Carlos Alberto Assis, participam do concurso, 9.760 candidatos. "Muitos vieram de fora do Estado, como Minas Gerais, interior de São Paulo, Mato Grosso, Goiás, Rondônia, além das regiões Sul e Nordeste do país".

Assis informou que para a realização deste concurso foi feito um planejamento e inclusive uma máquina utilizada nas Olimpíadas, do Rio de Janeiro, da Anatel, foi trazida para a Capital para medir a frequência anormal em um raio de 470 metros, tudo para evitar fraudes. 

"Ela busca a frequência não autorizada, busca sinal de celular e ponto eletrônico. Tudo isso, para garantir a segurança e a lisura do concurso. Nós pesquisamos e soubemos que é o maior concurso do Centro-Oeste", pontuou. 

A delegada da Polícia Civil e presidente da Comissão do Concurso, Maria de Loudes Cano, disse que o objetivo do aparelho é evitar fraude, como por exemplo, de professores que saem após às 4 horas de prova saem com o gabarito e podem tentar transmitir o resultado para quem ainda está fazendo a prova.

"Com as ondas de frequência podemos verificar todas as ondas e podemos chegar até a essa pessoa, inclusive naquele que receberia o resultado dentro da Uniderp. No último concurso, houve uma tentativa de fraude e os dois autores, que eram irmãos, foram presos e autuados em fragrantes", finaliza.

Como há candidatos que portam armas, um espaço foi reservado pela organização, para que pudessem guardar os equipamentos em um armário e evitar acidentes. Os portões fecham às 14 horas e a duração da prova é de cinco horas. 

*Matéria editada às 14h29 para acréscimo de informação. 

 

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
AMIGOS DA CIDADE MORENA ABRIL NOVEMBRO