Menu
terça, 20 de outubro de 2020
Cidades

Nova Lima foi abandonada pelo poder público, afirma líder comunitário

Regiões de Campo Grande

13 janeiro 2014 - 18h10Por Aline Oliveira

 

O bairro Nova Lima possui 55 anos de existência e assim como outras regiões periféricas da Capital enfrenta várias dificuldades estruturais em razão do crescimento populacional e da falta de planejamento estrutural. A região do ‘Grande Nova Lima’ é composta pelo bairro localizado no polígono das ruas Marquês de Herval e avenidas Consul Assaf Trad e Lino Vilachá e mais 11 parcelamentos que abrigam uma população de 35.519 habitantes.

 

Para o presidente do Movimento de Apoio Social Campo-grandense, José Ferreira Rocha Neto, o Zé do Anache, a situação da população é bastante difícil e motivos não faltam. “Temos problemas sociais e de infraestrutura muito complexos, no entanto, nossa região também cresceu bastante e abriga importantes empresas, Ongs e o hospital São Julião que é referência no atendimento de alta complexidade do SUS. Porém, realizamos um levantamento em 2012 e a unanimidade da população foi a seguinte: em primeiro lugar é preciso terminar de asfaltar o Nova Lima e demais bairros, em segundo lugar melhorar o atendimento à saúde e por último, construção de áreas de lazer”, detalhou o líder comunitário.

 

Atendimento à saúde - Zé do Anache avalia que os problemas não são atuais e são resultado da falta de atenção das administrações passadas. A saúde pública é um dos maiores problemas e o líder comunitário revela que não consegue dialogar com os representantes da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública).

 

“Temos somente uma Unidade Básica de Saúde no Nova Lima que é o São Francisco. Lá o funcionamento tem sido feito de forma precária, com falta de material para exames, kits de diabetes, material de higiene, limpeza, funcionários e até certos medicamentos. Fui buscar um resultado de exame para minha esposa e não tinha papel suficiente para imprimir e por isso foi feito dos dois lados. Questionei e me disseram que era ordens para conter os gastos” declarou.

 

O líder comunitário informou que nas UBSF’s a situação é ainda pior e quando o problema é mais grave, os pacientes são orientados a se deslocarem até o posto do Nova Bahia e somente depois, para a UPA do Coronel Antonino. “Convivemos com alto número de adictos em álcool e drogas, adolescentes grávidas entre 12 e 16 anos e homicídios frequentes. Tudo isso é resultado do consumo de substâncias ilícitas, então precisamos de apoio maior do CRAS e da UBS. Várias lideranças da região urbana do Segredo já tentaram apresentar os problemas relacionados à saúde para Sesau, porém, não temos nem mesmo nossos ofícios atendidos”, desabafou.

 

Infraestrutura – Apesar de ter mais de cinco décadas de existência, o bairro Nova Lima possui apenas sete vias pavimentadas e os demais parcelamentos também sofrem com a falta do asfaltamento. “Os outros bairros só possuem asfalto na linha do ônibus e os moradores sofrem muito, tanto no período de seca quanto no de chuva. Há três meses, o prefeito Alcides Bernal foi ao bairro e anunciou que iria asfaltar todo bairro Nova Lima, Colúmbia e Anache, porém, quando fomos cobrar o início das obras ficamos sabendo que o projeto não foi entregue até 31 de dezembro na Caixa Econômica e por isso os recursos não foram liberados. Só em março é que o plano será entregue a instituição financeira, então eu pergunto quando estas obras irão começar?”, questionou.

 

No entanto, Zé do Anache fala com orgulho dos pontos positivos da região e relata que o potencial comercial é muito grande. “Temos várias fábricas como embutidos, pré-moldados, carvão, plásticos e até chocolate. Sem contar um comércio bem diversificado no atendimento a várias necessidades dos moradores. Só falta uma agência bancária, já que temos apenas uma lotérica para realizar nossos pagamentos”, reforçou.

 

Outro fator importante para o desenvolvimento da região e que será apresentado na próxima reportagem é a construção do Shopping Bosque dos Ipês, que proporcionou a valorização de terrenos e casas existentes na localidade.

 

Leia Também

Ravi luta pela vida em hospital e família pede corrente de orações em Campo Grande
Cidade Morena
Ravi luta pela vida em hospital e família pede corrente de orações em Campo Grande
Chove em bairros de Campo Grande e água não vai dar trégua até sábado
Cidade Morena
Chove em bairros de Campo Grande e água não vai dar trégua até sábado
Estudantes pedem ajuda de Pedro Kemp para UFMS aceitar Sisu em 2021
Cidades
Estudantes pedem ajuda de Pedro Kemp para UFMS aceitar Sisu em 2021
Menino de três anos afogado em clube segue em estado gravíssimo em Campo Grande
Cidade Morena
Menino de três anos afogado em clube segue em estado gravíssimo em Campo Grande