TJMS
(67) 99826-0686

Manifestação pró Bolsonaro deve reunir
3 mil pessoas em Campo Grande

Dentre as pautas, a demonstração de apoio à aprovação da reforma da Previdência

22 MAI 2019
Maressa Mendonça
13h30min
Carreata em apoio ao presidente realizada em 2018 Foto: André de Abreu/Top Mídia News

Organizadores da manifestação em prol da reforma da Previdência e em apoio ao presidente Jair Bolsonaro (PSL) esperam reunir 3 mil pessoas no próximo domingo (26) em Campo Grande. As assessorias dos deputados estaduais Coronel David (PSL) e Capitão Contar (PSL) confirmaram a presença dos parlamentares.  Também devem comparecer  ao evento o vereador Vinícius Siqueira (DEM), deputado federal Loester Trutis (PSL) e a senadora Soraya Thronicke (PSL). 
 
De acordo com o empresário e ativista político Rafael Tavares, de 34 anos, a pauta principal é o apoio ao presidente e um das formas de demonstrar este apoio é indo até as ruas para pressionar os parlamentares do “centrão” a aprovarem as propostas levantadas pelo Executivo sem exigência de cargos ou outros benefícios.  
 
Os manifestantes devem demonstrar também apoio à Lava Jato e aprovação do pacote anti crime proposto pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.  “Estamos divulgando nas redes sociais e muita gente está confirmando a presença”, declarou Tavares, reforçando que a expectativa de público é de 3 mil pessoas. 
 
Dentre os manifestantes que confirmaram a presença está o deputado federal Loester Trutis. À reportagem do Top Mídia News, ele comentou que sempre fez parte de manifestações do tipo.  “Eu acho que toda manifestação pública de demonstração de apoio é válida desde que seja ordeira”, disse. 
 
Questionado sobre o posicionamento da deputada estadual por São Paulo, Janaína paschoal, que, apesar de ser do partido do presidente fez críticas às manifestações, Loester Trutis, comentou que durante esses eventos alguns pontos que não fazem parte da ideia inicial acabam sendo defendidos por alguns participantes, como o fechamento do Supremo Tribunal Federal e do Congresso.
 
 "Algumas pessoas se aproveitam, mas não faz parte da ideologia da maioria. Eu vou sempre defender a Constituição e meu presidente já tem compromisso com isto. Por isso digo que vou como cidadão", completou.
 
O vereador Vinícius Siqueira (DEM) disse à reportagem que a ideia principal é defender a aprovação da reforma da previdência, mas, não há como desligar o assunto de Bolsonaro e, é por esse motivo, que a manifestação ficou marcada como sendo de apoio ao presidente.  “Vou como vereador, como como cidadão, como manifestante porque sempre participei de manifestações”, finalizou. 
 
Organizada pelos movimentos Pátria Livre, Endireita CG, Voluntários da Pátria, Fora Corruptos e QG Bolsonaro, a manifestação será realizada às 15h de domingo (26) em frente ao prédio do Ministério Público Federal, na Avenida Afonso Pena. 

 

Veja também