Menu
sexta, 22 de janeiro de 2021
Covid 18/01 a 24/01
Cidades

Trabalhador rural que foi atingido por hélice de avião morre na Santa Casa da Capital

Acidente no Campo

14 fevereiro 2014 - 13h19Por Carlos Guessy

O jovem de 24 anos que teve parte do braço amputado e perdeu o olho direito ao ser atingido pela hélice de uma aeronave morreu nesta manhã de sexta-feira (14), na Santa Casa de Campo Grande.


Segundo a assessoria de imprensa do hospital, Mariano Pedro Pereira Filho morreu às 6h30. O acidente aconteceu na quarta-feira (12), em uma fazenda na zona rural de Chapadão do Sul, a 325 quilômetros da Capital.


Logo após o acidente, os bombeiros foram acionados e interceptaram a caminhonete em que o rapaz era transportado para a cidade. Foi realizado o atendimento hospitalar para controlar a hemorragia.


O jovem teve fratura na face e perdeu um dos olhos. Mariano foi então encaminhado ao hospital da cidade e posteriormente, transferido para a Santa Casa da Capital.


Conforme o site Fátima Sul, o rapaz retirava o calço da roda da aeronave para o início da decolagem, quando acabou atingido pela hélice.


O avião estava preparado para uma aplicação de uréia (nitrogênio) em uma plantação de cana.  O jovem trabalhador Mariano é natural de Pernambuco e trabalhava em Chapadão do Sul há apenas nove meses.