Menu
Busca quarta, 27 de maio de 2020
camara municipal
Cidades

Obra com 192 apartamentos em residencial é vistoriada pelo governo e está 30% pronta em Campo Grande

Construção é do Minha Casa Minha Vida com investimento de R$ 3 milhões do governo estadual

02 maio 2019 - 19h50Por Thiago de Souza

O chefe de gabinete do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), Carlos Alberto Assis visitou, nesta quinta-feira (2), as obras do residencial Jornalista Armando Tibana, no bairro Paulo Coelho Machado, em Campo Grande. A construção dos 192 apartamentos está 30% executada e faz parte do Programa Minha Casa Minha Vida.

Assis foi até o bairro Paulo Coelho Machado junto com a diretora-presidente da Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul, Maria do Carmo Avesani Lopez.

Para o secretário Carlos Alberto de Assis a obra está sendo um compromisso do Governo do Estado com quem realmente precisa de um lar. “Sabemos da importância de ir em busca de recursos para a habitação no Estado e a Agehab tem realizado um ótimo trabalho. Prova disso é a construção desses apartamentos”, afirmou.

''Nossa parceria com o Município e o Governo Federal foi fundamental para garantir os recursos que estão sendo investidos na construção dessas moradias. Graças ao trabalho de toda uma equipe, em breve estaremos realizando a entrega dos apartamentos e garantindo moradia digna para as famílias'', pontuou Maria do Carmo.

O empreendimento é dividido em 12 blocos com 16 apartamentos de 45 m², contendo 2 quartos, sala, cozinha e banheiro adaptável. O valor do investimento é de R$ 22,2 milhões, sendo que R$ 18.689.214,82 do Governo Federal, R$ 3.559.687,36 do Governo do Estado e o terreno do Município.

A seleção das famílias e a assinatura dos contratos foi realizada no ano passado pela entidade Conssol, habilitada pelo Ministério das Cidades, com a proposta aprovada pela Caixa Econômica Federal (CEF).

 

 

Leia Também

Servidor é preso por usar caminhonete da Funai para buscar maconha na fronteira
Polícia
Servidor é preso por usar caminhonete da Funai para buscar maconha na fronteira
Lewandowski nega recurso do Estadão para saber se exame de covid é mesmo de Bolsonaro
Geral
Lewandowski nega recurso do Estadão para saber se exame de covid é mesmo de Bolsonaro
Bolsonaro proíbe Mandetta de trabalhar por seis meses: 'Estou abismado'
Geral
Bolsonaro proíbe Mandetta de trabalhar por seis meses: 'Estou abismado'
Investigação diz que Witzel está no topo de estrutura que fraudou contratos no Rio
Geral
Investigação diz que Witzel está no topo de estrutura que fraudou contratos no Rio