IPVA GOV
(67) 99826-0686
REFIS FEV.

Recapeamento da Bandeirantes está orçada em R$ 23 milhões e será finalizada em até 30 meses

70% das obras serão executadas por 240 militares do 9º Batalhão de Engenharia de Construção, de Cuiabá

8 SET 2016
Kerolyn Araújo
19h01min
Foto: André de Abreu

As obras de recapeamento da Avenida Bandeirantes, que também englobará as ruas Guia Lopes, Brilhante e Marechal Deodoro, estão previstas para começar na próxima semana com o levantamento topográfico das vias.  Ao todo, 12 quilômetros serão recuperados e 70% das obras serão realizadas por militares do Exército.

Conforme informações do secretário Amilton Cândido de Oliveira, da Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação (Seintrha), o convênio assinado entre a Prefeitura Municipal de Campo Grande e o Comando Militar do Oeste (CMO) para a execução das obras, prevê um orçamento de R$23 milhões. "Caso o valor fique abaixo do que foi previsto, o Exército devolverá esse dinheiro à prefeitura. Com esse convênio temos a certeza que teremos um pavimento de qualidade", afirmou o secretário.

Durante as obras, além do recapeamento do asfalto, serão feitos outros trabalhos, como recuperação de meio-fio, calçadas, pontos de acessibilidade, além de sinalização. A previsão é de que todo o trabalho seja entregue em até 30 meses. 

De acordo com o engenheiro Civil do Exército e responsável pela fiscalização das obras, capitão Filipe Almeida Corrêa do Nascimento, na próxima semana os militares darão início aos trabalhos com o levamento topográfico das ruas. "O prazo de 30 meses para a entrega das obras engloba desde o planejamento até a finalização do serviço, mas acredito que o trabalho terminará bem antes do que previsto", explicou. 

Ainda conforme o engenheiro, 70% das obras serão executadas por 240 militares do 9º Batalhão de Engenharia de Construção, de Cuiabá, que é coordenado pelo 3º Grupamento de Engenharia do Exército. "Os outros 30% serão realizados por empresas terceirizadas que vamos contratar, mas todo o trabalho será fiscalizado pelo Exército", ressaltou o capitão.

Além dessas vias, outras também passarão pelo serviço de recapeamento, entre elas a rua Dos Andradas, próxima ao CMO, Fernando de Noronha, trecho entre a Avenida Tamandaré e Presidente Vargas, Joaquim Murtinho na altura do supermercado Extra e Marquês de Lavradio. Conforme o secretário Amilton, a recuperação de outras vias estão em processo de licitação, como a rua Trindade. 

Veja também