TCE 27/10 a 29/10
Menu
quinta, 28 de outubro de 2021 Campo Grande/MS
Ciência e Tecnologia

Instagram enfrentou instabilidade de horas 4 dias após pane global

Usuários encararam dificuldade em acessar rede social durante períodos da sexta-feira e empresa pediu desculpas de novo

09 outubro 2021 - 12h35Por Vinicius Costa

A rede social do Instagram passou por uma nova instabilidade em alguns períodos desta sexta-feira (8). Isso aconteceu após quatro dias, o Facebook, WhatsApp e o próprio Instagram sofrerem uma pane global e ficarem mais de 6 horas fora do ar.

Entretanto, o período de ausência da rede social foi mais curto e os usuários puderam retomar suas atividades ainda na tarde de ontem.

Conforme a plataforma Down Detector, que monitora o funcionamento de sites e redes sociais, as reclamações por dificuldades de acesso começaram por volta das 14h e o grande pico aconteceu por volta das 14h55 com mais de 1,4 mil usuários relatando problemas para entrar no aplicativo.

Em outros lugares do mundo, como nos Estados Unidos, mais de 30 mil usuários reclamaram da instabilidade.

Em nota, o Facebook, dono do Instagram, pediu desculpas aos usuários que não conseguiram acessar os serviços nas últimas horas e que a questão já foi resolvida. A plataforma, entretanto, não informou qual teria sido o motivo da instabilidade.

Leia Também

Picarelli é condenado por acumular mandato de deputado com diretor de TV em Campo Grande
Campo Grande
Picarelli é condenado por acumular mandato de deputado com diretor de TV em Campo Grande
Colégio Militar aceita filha de Bolsonaro; apenas 10 alunos ingressaram por concurso em MS
Campo Grande
Colégio Militar aceita filha de Bolsonaro; apenas 10 alunos ingressaram por concurso em MS
Feriadão empolga e aeroporto da Capital pode receber mais de 20 mil passageiros
Campo Grande
Feriadão empolga e aeroporto da Capital pode receber mais de 20 mil passageiros
Pista de skate das Moreninhas tem investimento de R$ 1 milhão do Governo de MS
Campo Grande
Pista de skate das Moreninhas tem investimento de R$ 1 milhão do Governo de MS