A+ A-

quarta, 22 de maio de 2024

Busca

quarta, 22 de maio de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Cultura

16/09/2017 15:15

A+ A-

Acompanhado de Dona Florinda, ator conta com ajuda para espalhar arte pelo Brasil

Com destino final em Mato Grosso do Sul, Anderson e 'Dona Florinda' oferecem circo, cinema ambulante e biblioteca cultural

Ele é ator, palhaço e produtor cultural e resolveu dividir sua arte cultural por diversos estados brasileiros, tendo Mato Grosso do Sul como destino final. Anderson Lima afirmou ao TopMídiaNews que, há dez anos atrás, começou a trabalhar com um grupo de teatro em Campo Grande e foi morar no Sul. Agora, acompanhado de ‘Dona Florinda’, uma Kombi 1973, o ator pega a estrada e oferece circo, cinema ambulante e biblioteca cultural para crianças e adultos de seis estados brasileiros.

“Resolvi dar uma andada pelo Brasil. Deixei o grupo de teatro que trabalhei por 10 anos aí em Campo Grande, o Flor e Espinho, e fui morar no Sul. Fiquei lá quatro meses e fui para São Paulo. Fiquei mais ou menos um ano por lá e vim fechar todas as regiões do Brasil aqui no Nordeste.  Agora quero voltar ao Mato Grosso do Sul para retomar um espetáculo com um parceiro que mora em Campo Grande e decidi fazer uma home na Kombi e seguir com apresentações. Agora eu montei um trabalho solo que posso fazer sozinho”, explica o palhaço.

Anderson pretende deixar a Paraíba rumo ao Pernambuco, depois  Alagoas, Sergipe, Bahia, Minas Gerais e no final, Mato Grosso do Sul. “Estou transformando a Dona Florinda em uma casa, ela vai gerar energia própria, quero transformar ela em uma unidade cultural móvel. Vamos oferecer por esses estados apresentações de circo, cinema ambulante e mini biblioteca. Vou chegar no local, armar estrutura e realizar o projeto. Nos finais de semana, quero fazer roda de leitura para crianças e adultos. Levar material de filmagem e fotografia, saber sobre a cultura das cidades, conhecer o interior do Brasil mais de perto”.

O artista conta ainda com a ajuda daqueles que desejam incentivar ainda mais a atitude de Anderson e afirma que qualquer doação é de grande valia para que o projeto percorra o Brasil. “O Brasil passa por processo de crise, nunca foi tão eficiente na questão de fusão das artes, agora com Ministério da Cultura falido, é um desafio a ser cumprido. Peço contribuição com a vaquinha da forma que puder, se acha que a ideia é legal, divulgue nas redes sociais, queremos atingir meta para manter gasolina, minha alimentação e segurança para o caso de a dona Florinda quebrar. Quero levar a arte da palhaçaria, que congrega a união das pessoas, sempre refletindo para os problemas sociais que estão aí batendo na nossa porta”.

Gostou da atitude do produtor cultural? Então colabore com a ideia e faça a sua doação para que ele percorra ele chegue em Mato Grosso do Sul após espalhar cultura pelo país através da página do Kombinado no site catarse.  

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
AMIGOS DA CIDADE MORENA ABRIL NOVEMBRO