TCE MAIO
(67) 99826-0686
Camara Maio

Projeto Moda MS integra indústria e varejo com soluções inovadoras

Semana da Moda faz parte das ações do programa e contará com desfiles coordenados por estilista de renome nacional

30 OUT 2016
Da Redação
09h02min
Foto: Divulgação

De 04 a 06 de novembro, a Semana da Moda celebra sua segunda edição. O evento, que acontece desta vez no Shopping Campo Grande, é fruto do projeto Moda MS, iniciado em maio de 2015, no Sebrae. Voltado para indústrias de Mato Grosso do Sul, o programa investe em gestão empresarial e oferece soluções inovadoras para fomentar o setor no estado.

De acordo com Milton Cesar de Oliveira, gestor do projeto, o objetivo primário das ações do Moda MS é integrar indústria e varejo de forma a fazer com que peças de interesse local sejam produzidas. “Aqui, ninguém fazia moda. Não existia essa cultura de inovação; as indústrias não conheciam o mercado e não tinham caixa para investir. O projeto vem para mostrar que é possível fazer moda com pouco dinheiro e com peças locais”.

Neste ano, o Moda MS concentrou oito soluções para as empresas do setor, que se distribuíram em consultorias, cursos, oficinas e eventos. Segundo Milton Cesar, o primeiro passo foi aliar a produção das indústrias às necessidades do varejo, para então auxiliar as empresas a investir; e, por fim, trabalhar com iniciativas de acesso ao mercado com a participação e organização de eventos do ramo, como a Semana da Moda.
Na edição de 2016, a Semana da Moda contará com desfiles inéditos para fortalecer o mercado no estado: as indústrias Kibela, de Campo Grande, e Yvu, de Dourados, apresentarão suas coleções, organizadas sob a coordenação do estilista Ronaldo Fraga, no dia 04 de novembro, a partir das 19 horas. Além disso, outros três desfiles estarão presentes no evento – o de Novos Talentos do MS, também no dia 04/11, às 19h30, que vai expor oito coleções de novos estilistas sul-mato-grossenses; o de Indústrias do MS, no dia 05/11, às 19h30, com a produção das indústrias do estado; e o Moda Kids, no dia 06/11, a partir das 15 horas, voltado para a confecção infantil.

Segundo José Francisco Veloso Ribeiro, presidente do Sindivest MS (Sindicato das Indústrias do Vestuário, Tecelagem e Fiação de Mato Grosso do Sul), instituição parceira do projeto Moda MS, a programação é importante para melhorar a competitividade e favorecer o crescimento das empresas do setor. “Todo ano, nós melhoramos alguns módulos do programa. Em cima das pesquisas realizadas trimestralmente, mapeamos as necessidades e passamos as demandas para o Sebrae de modo a melhor atender as empresas e auxiliá-las a se manter no mercado”.

A Semana da Moda funcionará como uma vitrine da indústria para o varejo, ao apresentar a produção executada em Mato Grosso do Sul. Milton Cesar destaca que o varejo não conhece a qualidade dos produtos fabricados e quem os produz no estado, por isso é importante a realização desse tipo de evento. “Depois de soluções de inovação, gestão e acesso ao mercado, a Semana da Moda vem colocar a cereja no bolo, fazendo com que o varejo conheça e passe a consumir os itens locais”.

Veja também