(67) 99826-0686

Sectei seleciona habilitados na primeira fase do edital de Economia Criativa

Foram inscritos 32 projetos

26 OUT 2016
Noticias.MS
15h40min
Foto: Divulgação

Saiu nesta segunda-feira (24), no Diário Oficial do Estado, a publicação com os nomes dos habilitados no edital de seleção de propostas para apoio a empreendedores de Economia Criativa Sul-Mato-Grossenses. Foram inscritos 32 projetos, dos quais 24 foram habilitados e seguem agora para a próxima etapa.

O edital tem por objetivo estimular, valorizar e fomentar empreendimentos criativos no Estado de Mato Grosso do Sul, tendo em vista o desenvolvimento social, cultural, turístico, econômico e artístico, bem como a inovação, a sustentabilidade e a geração de renda dos empreendedores individuais ou grupos sociais.

O edital tem por objetivo estimular, valorizar e fomentar empreendimentos criativos no Estado de Mato Grosso do Sul, tendo em vista o desenvolvimento social, cultural, turístico, econômico e artístico, bem como a inovação, a sustentabilidade e a geração de renda dos empreendedores individuais ou grupos sociais. “A superintendência de Economia Criativa ofereceu oficinas para auxiliar empreendedores a elaborar projetos para este edital, e o resultado foi muito positivo devido ao número de habilitados”, contou a superintendente de cultura e de economia criativa da Secretaria de Cultura, Turismo, Empreendedorismo e Inovação (Sectei), Cláudia Medeiros.

Entende-se por Economia Criativa as dinâmicas culturais, sociais e econômicas construídas a partir do ciclo de criação, produção, distribuição/circulação/difusão e consumo/fruição de bens e serviços oriundos dos setores criativos, cujas atividades produtivas têm como processo principal um ato criativo gerador de valor simbólico, elemento central da formação do preço, e que resulta em produção de riqueza cultural e econômica. Este edital contribui também para o mapeamento dos setores da economia criativa no estado.

Participam empreendedores compreendidos nos seguintes setores que contemplem a economia criativa, tais como Arquitetura e urbanismo; Artes Visuais (desenho, pintura, gravura, escultura, fotografia, etc.); Artesanato; Audiovisual (cinema, vídeo, animação, jogos digitais etc.); Circo; Dança; Design (gráfico e de objetos); Gastronomia; Moda (confecções, acessórios, calçados, joias, etc.); Museus; Música; Patrimônio Cultural; Saberes e Fazeres tradicionais; Produção Cultural (transversal aos setores criativos); Literatura; e Teatro. Serão concedidos recursos para apoio de 10 projetos de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) e 01 de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais), num total de R$ 250 mil reais.
 

Acompanhe as próximas datas:

– Publicação da relação dos HABILITADOS no portal da SECTEI e publicação no Diário Oficial do Estado: 21/10/2016

-Período de recursos das propostas: 24/10/2016 a 28/10/2016,

-Resultado dos recursos: 29/10/2016 a 10/11/2016

-Publicação dos Resultados de Recursos: 11/11/2016

– Análise de Mérito: 14/11/2016 a 30/11/2016

-Publicação da relação de APROVADOS no portal da SECTEI e publicação no Diário Oficial do Estado: 02/12/2016

-Prazo para apresentação de documentos complementares para assinatura do Termo de Fomento ou Convênio:  05/12/2016 a 15/12/2016.

 

Veja também