Menu
quarta, 28 de fevereiro de 2024 Campo Grande/MS
PREFEITURA CAMPO GRANDE FEVEREIRO 2024
Cultura

'Vai com Deus minha nenê': Ana Castela perde cachorra que cria desde infância

A artista sul-mato-grossense usou as redes sociais para se despedir da cachorrinha que faleceu nesta terça-feira (6)

07 fevereiro 2024 - 12h34Por Felipe Dias

A artista sul-mato-grossense Ana Castela usou as redes sociais nesta terça-feira (6) para se despedir da cachorrinha que faleceu ontem. A pet chamada Joaninha estava doente, com problemas no fígado, rim e coração.

Segundo a cantora, ela inchava toda semana e precisava drenar a acumulada na barriga. "Ela tava viva por Deus e porque ela não queria ir embora", explica.

Nas redes sociais, Ana Castela falou da dor de perder o animal e agradeceu aos fãs pelo carinho. "Não é fácil perder um bichinho, principalmente quando está contigo a infância inteira. Eu fico tranquila porque sei que agora ela não está mais sofrendo, só que fico sentida porque era o amor da minha vida. Ela dormia do meu lado", revela.

No feed do Instagram, a cantora postou um Reel e fotos ao lado da pet. Na legenda ela declarou mais uma vez seu amor ao animal. "Ela precisava ir, eu já sabia no fundo. Você foi forte, até demais. Deus me deu você para preencher um vazio que eu nem sabia que tinha, e espero conseguir preencher de novo. Deus, eu e o mundo sabíamos o quando eu te amava, e o quanto eu amava ver você correndo na fazenda com a língua manchada para fora. Hoje me restam lembranças, seu cantinho e um tufinho de pelo seu".

"A dor da partida dói, dói demais porque eu sei que não vou te ter aqui mais comigo, meu tchutchu. Não tenho mais suas orelhinhas para baixo, mas dói ainda mais saber que você tava sofrendo… Escrevo isso em choros, mas feliz por Deus ter me dado oportunidade de ter sido sua dona por todos esses anos... e sempre fomos nós. Para dormir era nós, para andar de carro era nós, para ir à fazenda era nós. Eu te amo Joaninha, descansa", finaliza.