TCE ABRIL 16 A 22/04
Menu
quarta, 21 de abril de 2021
MS MAIS SOCIAL 21 E 22/04
Economia

Governo pretende retomar programa de redução de salários e carga horária

“Conseguimos não só não perder nenhum emprego, como gerar 140 mil novos empregos", comemora Paulo Guedes

03 março 2021 - 14h38Por Diana Christie

O Governo Federal pretende retomar o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda (BEM), que autoriza empresas a reduzir salários e carga horária dos funcionários ou suspender contratos.

“Conseguimos não só não perder nenhum emprego, como gerar 140 mil novos empregos. Vamos renovar esse programa”, afirmou o ministro da Economia, Paulo Guedes, em entrevista para a rádio Jovem Pan, replicada pelo Metrópoles.

O ministro afirma que foi o projeto mais bem-sucedido do enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

Apesar do anúncio nesta quarta-feira (3), o representante do presidente Jair Bolsonaro ainda não informou quando o programa será retomado, nem por quanto tempo ou qual o impacto financeiro da medida para os cofres da União.

Quando foi anunciado pela primeira vez, o BEM tinha custo estimado de R$ 51 bilhões e duração de três meses – que se transformaram em nove meses após duas prorrogações.