TJMS JANEIRO
Menu
sexta, 21 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Economia

Sisem vai ingressar na Justiça para evitar parcelamento do 13º salário

03 dezembro 2015 - 11h07Por Diana Christie e Rodson Willyams

O presidente do Sisem (Sindicato dos Servidores de Campo Grande), Marcos Tabosa, anunciou na manhã de hoje (3) que vai ingressar com uma ação judicial contra a prefeitura para evitar o escalonamento do décimo-terceiro salário dos servidores públicos municipais.

O objetivo é garantir que todos os 12 mil servidores da prefeitura recebam o benefício até 20 de dezembro, como estabelece a legislação.

O prefeito Alcides Bernal (PP) anunciou o parcelamento do décimo-terceiro em reunião realizada nesta quarta-feira (2). Segundo ele, apenas metade dos servidores terá acesso ao benefício até 18 de dezembro, e o restante receberá apenas em 15 de janeiro de 2016.

Na ocasião, ele não revelou detalhes sobre os critérios de prioridade, mas se adotar o mesmo modelo de outras vezes, devem ser prejudicados funcionários com salários superiores a R$ 2 mil. A folha de pagamento do abono natalino é estimada em R$ 95 milhões.

Tabosa destaca que o sindicato conseguiu decisão semelhante em setembro, quando o município ficou proibido de escalonar o salário dos 7 mil filiados. “Isso é um absurdo. O Bernal é um fanfarrão que esta querendo colocar todos os servidores e a sociedade contra a Câmara Municipal”, alfinetou.

De acordo com o sindicalista, a prefeitura está sem pagar fornecedores a três meses, totalizando uma reserva de R$ 180 milhões nos cofres públicos que poderiam ser utilizados para quitar a folha de pagamentos. Ele deve protocolar a ação ainda nesta tarde.