Menu
sexta, 04 de dezembro de 2020
Economia

Taxa média de desemprego em 2013 é a menor da história

Emprego e Renda

30 janeiro 2014 - 18h55Por Valor Econômico

A taxa de desemprego apurada nas seis maiores regiões metropolitanas do país consolidou a tendência de queda ao longo do ano passado, mas o mercado de trabalho ficou praticamente estável em 2013 na comparação com 2012. O crescimento da renda do trabalhador cresceu, mas ao menor ritmo desde 2005.

 

De acordo com a Pesquisa Mensal do Emprego (PME), divulgada hoje pelo IBGE, a taxa média de desocupação em 2013 foi de 5,4%, a menor da série anual iniciada em 2003. Em 2012, a média foi de 5,5%. “Observamos estabilidade da taxa de desemprego. Isso pode estar relacionado à dinâmica da atividade econômica ou a fatores do próprio mercado de trabalho”, afirma a técnica da coordenação do rendimento e emprego do IBGE, Adriana Araújo Beringuy.

 

Apesar do resultado de estabilidade, na avaliação de Adriana, 2013 confirmou mais um ano de tendência de queda para a taxa de desemprego. É que a taxa média de desocupação caiu pelo décimo ano consecutivo. Em 2003, esse índice apontava para desocupação média de 12,4%. “Isso mostra uma consolidação da queda da taxa de desocupação ao longo dos anos. A taxa de desemprego vem diminuindo, mesmo que a um ritmo menor”, avalia ela.

 

Dezembro - Considerando apenas o mês de dezembro, a taxa de desemprego caiu para 4,3% da população economicamente ativa (PEA), depois de se situar em 4,6% em novembro. Foi o menor resultado desde o início da série histórica, em março de 2002. O indicador de desocupação ficou em linha com a média apurada pelo Valor Data junto a 19 consultorias e instituições financeiras.

 

Pelo menos dois fatores simultâneos explicam esse resultado: houve criação de vagas, mas também um contingente de pessoas saiu do mercado de trabalho, um movimento que ocorreu por todo o ano de 2013.

 

Em dezembro, a população empregada aumentou em 37 mil pessoas, mas ao mesmo tempo, outras 33 mil saíram do mercado de trabalho. Por esse motivo, a população desempregada caiu em 70 mil pessoas. A população ocupada somou 23,3 milhões, estável nas comparações com novembro de 2013 e com dezembro de 2012.

 

De acordo com os dados do IBGE, a população não economicamente ativa cresceu, na média do ano, em um ritmo quase três vezes maior em 2013 (1,64%) que a população economicamente ativa (0,57%), o que pode ter ajudado a baixar a taxa de desemprego.

 

Fonte: Valor Econômico

Leia Também

Arrastados em córrego, tio e sobrinho reaparecem no Centenário
Cidade Morena
Arrastados em córrego, tio e sobrinho reaparecem no Centenário
Leitor registra fila de pacientes com suspeita de covid no UPA Leblon
Cidade Morena
Leitor registra fila de pacientes com suspeita de covid no UPA Leblon
Doloroso: Dourados tem seis mortes por covid em quatro dias
Interior
Doloroso: Dourados tem seis mortes por covid em quatro dias
Após caso de assédio, Globo tira do ar programas criados por Marcius Melhem
Geral
Após caso de assédio, Globo tira do ar programas criados por Marcius Melhem