(67) 99826-0686
ALMS 13/06 a 12/07

4 anos depois, Pedro Leonardo diz que não lembra de acidente de carro

O cantor ficou 30 dias em coma e não se lembra a primeira vez que levantou da cama no hospital

21 OUT 2016
Dany Nascimento
10h11min
Foto: Divulgação

Após ver a morte de perto, o cantor Pedro Leonardo que ficou 81 dias internado após sofrer um acidente em 2012, sendo 30 deles em coma, faz questão de comemorar cada minuto de sua vida e garante que se lembra vagamente dos últimos momentos antes de se acidentar.

 O filho do cantor Leonardo diz que de tudo, a lembrança que tem é da última semana de tratamento no hospital Sírio Libanês. "Minha última lembrança é de uma semana antes do dia do show, do acidente. Lembro vagamente de eu trocando de quarto no (hospital) Sírio-Libanês. E lembrar mesmo, lembro da minha última semana de tratamento lá, que eu já estava acordado havia um mês do coma. Do acidente, não lembro de nada. E também não tenho nenhum interesse em lembrar", conta Pedro.

De acordo com o Ego, Pedro não se recorda nem do momento em que se levantou pela primeira vez após o período de coma. Quem conta mais sobre essa fase é Thaís, mulher de Pedro, que sofreu muito durante o longo período. "Quando o vi sentando pela primeira vez, falei: 'Meu Deus, vai demorar uns três anos para ele andar'. Em um mês, ele estava andando. E, hoje, ele corre 10 km na esteira e participa até de corrida de rua", comemora.

O casal reside em um condomínio fechado em Rio Claro, no interior de São Paulo e se divertem com a filha Maria Sophia, de 5 anos. A escolha da cidade teve dois motivos: de logística e familiar.

"Estamos aqui há três anos. Escolhemos porque comecei a trabalhar em Campinas, na EPTV. Lá, a gente conhecia pouca gente e, aqui, tem a família toda da Thaís. Além de ter os conhecidos, é mais barato, né (risos)? Em Campinas e São Paulo está muito caro para viver", diz Pedro, que nasceu em Goiás.

Na residência, CDs de Leonardo e Zé Felipe, pai e irmão de Pedro, além de muitas fotos em família. Em um dos registros, um momento raro: o encontro do cantor com seus outros seis irmãos. "Vou te falar que está sempre faltando um. Conseguimos juntar nós sete apenas duas vezes até hoje. Sempre falta um. Mas, sempre que possível, estamos juntos, viajando e tendo um pouco essa convivência de irmão. É brigar e beijar. E é assim que tem que ser", define ele, que é o mais velho entre Isabella, Jéssica, Matheus, Zé Felipe e João Guilherme - todos filhos de Leonardo. Pedro ainda tem uma irmã por parte de mãe, chamada Thaís.

 

Veja também