Menu
terça, 24 de novembro de 2020
Geral

Aplicativo de mensagem do Facebook ganha nova versão

Tecnologia

30 outubro 2013 - 14h41Por Carlos Guessy

O Facebook redesenhou seu aplicativo de mensagem para iOS e Android. O nome, agora, é simplesmente Messenger. Os ícones, textos e botões ganharam um novo tom de azul, mais vibrante. O app redesenhado começa a ser testado com um grupo aleatório de usuários do Android, hoje, e estará disponível em breve para todos os usuários de iOS e Android.

O novo Messenger tem basicamente a mesma funcionalidade que os seus antecessores, mas apresenta um novo design. Além disso, os avatares são agora circulares e possuem uma pequena insígnia se um amigo estiver usando o Messenger. Em outras palavras , é possível saber se um amigo está conversando pelo Facebook Chat na web, ou tem o aplicativo Messenger no seu telefone.

Em termos de funcionalidade , há uma série de melhorias para fazer o envio e recebimento de mensagens mais rápido, diz o gerente de produto Peter Martinazzi . Há também alguns ajustes especialmente no Android, como por exemplo a remoção do envio de SMS pelo Facebook.

Em contrapartida, o Facebook pretende usar os números de telefone de uma maneira nova : identificar seus usuários, assim como no WhatsApp. Após a abertura do Messenger pela primeira vez, o app irá pedir que o usuário forneça o número de telefone. Em seguida, o aplicativo pode combiná-lo com as pessoas cujos números o usuário tem, mas que não são amigos do Facebook.

Leia Também

Está faltando cerveja no mercado: bebida começa a faltar no Brasil
Geral
Está faltando cerveja no mercado: bebida começa a faltar no Brasil
Vendedor diz que guarda municipal faz concurso a “nível macaco” e se dá mal
Polícia
Vendedor diz que guarda municipal faz concurso a “nível macaco” e se dá mal
Senador é suspeito de estuprar jovem depois de festa em São Paulo
Política
Senador é suspeito de estuprar jovem depois de festa em São Paulo
Geraldo Resende alerta para novo aumento de casos da covid em MS
CORONAVÍRUS
Geraldo Resende alerta para novo aumento de casos da covid em MS