TJMS JANEIRO
Menu
quinta, 20 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Geral

Deputada do PSDB discute, anuncia saída do partido e apoio a Bolsonaro

Ela decidiu deixar os tucanos e buscar uma filiação com o PL, que tende a ser o próximo partido do presidente em busca da reeleição

21 novembro 2021 - 15h00Por Vinicius Costa

A deputada federal Mara Rocha (PSDB-AC) se envolveu em uma discussão com o presidente regional do partido neste domingo (21), durante as prévias e decidiu anunciar sua saída e apoio para o presidente Jair Bolsonaro.

A discussão aconteceu entre a parlamentar e o presidente do PSDB do Acre, Manoel Pedro de Souza Gomes. Ela decidiu deixar os tucanos e buscar uma filiação com o PL, que tende a ser o próximo partido do presidente em busca da reeleição.

"Não admito que um presidente (do PSDB do Acre), que estava pedindo voto para outro candidato, um falso tucano, venha dizer que sou bolsonarista para me intimidar. Sou Bolsonaro mesmo, vou para o PL", disparou.

A declaração expõe uma situação que os parlamentares do PSDB tem preferido manter nos bastidores, o apoio ao governo federal. Apesar do comando da legenda definir que o partido é de oposição, a maior parte da bancada na Câmara ainda dá apoio aos projetos do Palácio do Planalto.

Principais concorrentes para sair na candidatura a presidência nas eleições, os governadores João Dória e Eduardo Leite expuseram uma divisão interna e até troca de acusações em prévias anteriores, segundo reportou o Estadão.

Apesar do apoio ao presidente, a deputada disse que votou em Leite para ganhar as prévias. "Votei no Leite para que a gente possa jogar a arrogância, acordos espúrios no lixo", afirmou Mara.