Menu
sexta, 22 de janeiro de 2021
dengue
Geral

Deputado de extrema-direita na Hungria é flagrado em orgia com 25 homens

Flagra da polícia ocorreu na Bélgica e parlamentar renunciou o mandato

01 dezembro 2020 - 19h24Por Thiago de Souza

Deputado considerado de extrama-direita na Hungria, József Szájer, foi flagrado pela polícia da Bélgica em uma orgia com 25 homens. Depois do escândalo, o parlamentar renunciou ao cargo. 

Conforme a Revista Fórum, a ação da polícia ocorreu na sexta-feira (27), por considerar que o ato sexual, que também teve a participação de diplomatas, violou a quarentena imposta pela pandemia da covid-19. 

Por conta do escândalo, Szájer renunciou ao cargo e à atividade política. Ele confirmou em nota a renúncia, na qual também acrescenta que não usava drogas. Szájer é casado desde 1983 com a juíza húngara, Tünde Handó, com quem tem uma filha.

Ainda segundo a revista, o partido do qual József faz parte é o Fidesz, considerado homofóbico e propôs, recentemente, uma reforma da Constituição para proibir a possibilidade de modificação legal do sexo atribuído no nascimento.