Menu
Busca quinta, 02 de julho de 2020
ALMS
Geral

Detran abre 200 vagas extras para passeio ciclístico pelas ruas da Capital

A inscrição é gratuita e pode ser realizada até o dia 16 de setembro ou até se esgotarem as vagas

14 setembro 2016 - 16h45Por Assessoria

Devido à grande procura, nesta quarta-feira (14), o Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul (Detran-MS) abriu mais 200 inscrições para a pedalada de 10 km que acontecerá neste sábado (17) na capital.

O evento esportivo faz parte da Semana Nacional de Trânsito de 2016 (SNT), que possui o tema “eu sou +1 por um trânsito + seguro”. O principal objetivo é valorizar os meios de transportes não motorizados como opção de deslocamento e conscientizar o cidadão de sua responsabilidade no trânsito.

A inscrição é gratuita e pode ser realizada até o dia 16 de setembro ou até se esgotarem as vagas. Para fazer parte deste grande movimento, basta acessar o link: www.centraldacorrida.com.br/pedaladadetrancampogrande.

No sábado, às 15h, o ponto de largada será da praça do rádio na Avenida Afonso Pena, passando pelos seguintes pontos:

– 14 de Julho: em direção à Feira Central;

– R. Dr. Ferreira;

– R. Gen. Melo;

– Av. Calógeras;

– Av. Mato Grosso;

– Av. Pres. Ernesto Geisel: em direção à Euler de Azevedo;

– R. Plutão;

– Av. Noroeste/Av. Duque de Caxias (Orla Morena): em direção à Av. Tiradentes;

– Av. Afonso Pena: da Av. Tiradentes até R. Padre João Crippa.

Ressaltamos que durante a passagem do pelotão, as vias citadas anteriormente ficarão interditadas momentaneamente.

Leia Também

Brasil ultrapassa 61 mil mortes por covid-19
Saúde
Brasil ultrapassa 61 mil mortes por covid-19
VÍDEO: dizendo ser "serva de Deus", mulher agride trabalhador homossexual em rodoviária
Geral
VÍDEO: dizendo ser "serva de Deus", mulher agride trabalhador homossexual em rodoviária
Após mortes aumentarem, população aprova medidas de proteção em Campo Grande
Saúde
Após mortes aumentarem, população aprova medidas de proteção em Campo Grande
MACHISMO: homem é investigado após insultar delegada por ser mulher
Polícia
MACHISMO: homem é investigado após insultar delegada por ser mulher