Menu
quinta, 26 de novembro de 2020
Geral

Flu coloca premiação por 2012 em dia e promete R$ 1 milhão contra queda

Semana decisiva

02 dezembro 2013 - 12h55Por Redação

O Fluminense inicia a semana decisiva para a permanência na elite do futebol brasileiro com dinheiro na conta dos jogadores e funcionários pelo título nacional de 2012. Além disso, uma reunião entre dirigentes e membros da patrocinadora do clube deve oficializar a informação que circula nos bastidores sobre a premiação de até R$ 1 milhão aos atletas caso o Tricolor não seja rebaixado para a segunda divisão.

Pouco antes do empate por 2 a 2 com o Atlético-MG, no último sábado, no Maracanã, a administração do Fluminense começou a quitar os prêmios pela conquista do Campeonato Brasileiro do ano passado. O atraso de quase um ano incomodava jogadores e funcionários.

O valor de R$ 6 milhões divididos entre clube e Unimed foi acordado antes da conquista. A patrocinadora quitou sua parte pouco depois do título. Porém, a administração Peter Siemsen só conseguiu resolver a pendência na reta final do atual Brasileirão.

Jogadores que participaram da campanha e funcionários foram beneficiados com a divisão de R$ 3 milhões. Apesar do importante montante, o time não conseguiu a imprescindível vitória sobre o Atlético-MG e viu a chance de rebaixamento aumentar consideravelmente. Um triunfo sobre o Bahia, domingo, em Salvador, é fundamental para evitar a tragédia. Ainda assim, o Tricolor depende de uma combinação de resultados para se salvar.

Por isso, uma reunião entre dirigentes será realizada nesta segunda-feira para tentar oficializar ao elenco a informação que circula nos bastidores dando conta de que a permanência na primeira divisão renderá até R$ 1 milhão aos envolvidos na campanha.

Perguntados sobre o prêmio, os jogadores desconversam e salientam a importância de impedir a queda pelo bem da instituição e manutenção da imagem positiva de suas respectivas carreiras. Porém, o valor é bem visto e pode ser decisivo no momento mais crítico da temporada para o Tricolor das Laranjeiras.

Fonte: UOL

Leia Também

Mãe e bebê de dois meses morrem após carro bater em coqueiro em Bonito
Interior
Mãe e bebê de dois meses morrem após carro bater em coqueiro em Bonito
Tumor retirado da cabeça de prefeito de Coxim é benigno, dizem médicos
Interior
Tumor retirado da cabeça de prefeito de Coxim é benigno, dizem médicos
Presidente da Fundação Palmares ataca: 'morto no Carrefour não era preto honrado'
Geral
Presidente da Fundação Palmares ataca: 'morto no Carrefour não era preto honrado'
Brasil tem 654 mortes por covid em 24h, diz Ministério da Saúde
Geral
Brasil tem 654 mortes por covid em 24h, diz Ministério da Saúde