Menu
terça, 18 de maio de 2021
MS CRESCE PELA VIDA 14 a 18/05/2021
Geral

Mãe de Henry, Monique Medeiros é isolada com Covid em hospital penitenciário

Ela e o namorado, o vereador do Rio Dr, Jairinho (sem partido) também está preso desde 8 de abril

20 abril 2021 - 09h47Por Nathalia Pelzl

A mãe do menino Henry Borel, Monique Medeiros, foi diagnosticada com Covid-19 nesta segunda-feira (19). 

As informações foram obtidas pela TV Globo.

Monique está presa por envolvimento na morte do filho. 

A professora pediu atendimento médico e foi levada para o Hospital Penitenciário Hamilton Agostinho. 

Lá, foi diagnosticada com sintomas de coronavírus, e exames confirmaram a doença.

Monique ficará em isolamento no hospital. 

O namorado dela, o vereador do Rio Dr, Jairinho (sem partido) também está preso desde 8 de abril.

Inquérito

A Polícia Civil do RJ já tem provas suficientes para concluir o inquérito da morte do menino Henry Borel.

Em entrevista nesta segunda à rádio CBN, o delegado-chefe do Departamento de Polícia da Capital, Antenor Lopes, afirmou que o inquérito deve ser fechado esta semana.
Antenor disse que ainda não surgiram indícios de que Monique era agredida ou ameaçada pelo namorado, Dr. Jairinho (sem partido). A versão das agressões tem sido defendida pela defesa de Monique.

“A versão dela [Monique, sobre agressões que teria sofrido] era para proteger o companheiro, Jairinho, inclusive pedindo para a babá apagar as mensagens que indicavam as agressões ao menino no dia 12 de fevereiro”, falou Antenor.