Menu
sexta, 30 de outubro de 2020
Geral

Marco Aurélio suspende corte de salário de servidor da Câmara

Pagamento

10 janeiro 2014 - 19h12Por Migalhas

O ministro Marco Aurélio suspendeu o corte no pagamento do salário de um servidor da Câmara que exerce função comissionada de consultor legislativo da Casa.

A Câmara realizou o corte em outubro do ano passado, após o TCU (Tribunal de Contas da União) proibir o pagamento de salários acima do teto constitucional do serviço público no Legislativo. Um processo administrativo foi instaurado e a Mesa Diretora concluiu pelo cumprimento imediato da determinação.

O servidor alegou que o corte violou os princípios do contraditório e da ampla defesa já que ele não teve a oportunidade de se manifestar sobre a decisão.

O ministro Marco Aurélio concordou com o argumento apresentado pelo analista legislativo. "A Câmara dos Deputados, em nenhum momento, intimou os servidores que podem sofrer as consequências do cumprimento da decisão do Tribunal de Contas da União a apresentarem defesa no referido procedimento interno, de modo a estabelecer o contraditório necessário na via administrativa", observou.

Leia Também

Professor universitário, advogado preso com vídeos de pedofilia diz que era pesquisa para TCC
Polícia
Professor universitário, advogado preso com vídeos de pedofilia diz que era pesquisa para TCC
Bolsonaro pede desculpas após 'zoa' refrigerante rosa e alega 'maldade' em críticas
Política
Bolsonaro pede desculpas após 'zoa' refrigerante rosa e alega 'maldade' em críticas
Homem cai durante poda de árvore e morre no Lageado
Cidades
Homem cai durante poda de árvore e morre no Lageado
Pneu fura, carro capota e passageiro morre na BR-158
Interior
Pneu fura, carro capota e passageiro morre na BR-158