Menu
domingo, 29 de maio de 2022 Campo Grande/MS
TOP MIDIA INSTITUCIONAL SUPER BANNER
Geral

Morre a cantora gospel e pastora Ludmila Ferber aos 56 anos

Vítima lutava contra um câncer há três anos

27 janeiro 2022 - 13h15Por Antonio Bispo

Cantora gospel e pastora Ludmila Ferber, de 56 anos, morreu na noite de terça-feira (26), vítima de câncer no pulmão, com metástase no fígado e nos ossos.

Informações do site Metrópoles mostram que a cantora foi diagnosticada com a doença em 2018. À época, ela contou que “em tempos de guerra, nunca pare de lutar. Hoje estou entrando num momento único e surpreendente da minha vida: o tratamento de quimioterapia".

Na semana passada, Ludmila iniciou o quinto tratamento contra a doença em um hospital de São Paulo. A última publicação em rede social foi na segunda-feira (24), um dia antes da sua morte.

No post, ela citou um trecho de uma das suas canções "Buscar tua face é preciso".

“Quando tudo parece estranho ao redor / Buscar tua face é preciso, Deus / Quando a gente não sabe o que está ocorrendo / Buscar tua face é preciso, Deus”, dizia trecho da canção na legenda.

Carreira

Ludmila iniciou a carreira musical ao integrar o grupo Koinonya, no qual gravou oito discos com a banda. Em 1996, decidiu seguir carreira solo, lançando o primeiro álbum intitulado "Marcas".

Posteriormente, mais 12 discos foram lançados, sendo o último gravado em 2020.

Homenagem

O deputado estadual, professor Rinaldo Modesto (PSDB), fez uma publicação em homenagem à cantora, no Facebook.

"Um grande exemplo de forca e fé completou sua carreira e voltou para o lar preparado pelo nosso Criador. A cantora gospel Ludmila Ferber partiu nesta quarta deixando muitas lições em suas canções e sem ter jamais deixado de louvar a Deus. Nossos sentimentos aos familiares e amigos", escreveu.