TCE Novembro
TJMS DEZEMBRO
Menu
quarta, 01 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
CONSTRUINDO O SABER 29/11 A 29/12
Geral

Namorando mulher, atriz fica confusa com sentimentos: ‘não tenho certeza sobre o que sou’

Nanda negou que tenha escondido a relação gay

17 agosto 2018 - 12h22Por TV Foco

Como todos já devem saber, a atriz Nanda Costa está namorando a percussionista Lan  Lanh, no entanto, engana-se quem acha que a atriz é lésbica. Ao contrário, nem ela mesma sabe dizer o que é. Na verdade, a famosa prefere não se rotular e, em entrevista a revista Marie Claire, ela comentou sobre o assunto.

Na ocasião, ela negou que tenha escondido a relação gay: “Não acho que eu me escondi, acho que eu me preservei. A gente vive num país extremamente preconceituoso e eu não queria ser rotulada, como sempre buscam rotular. Eu sempre me senti muito livre”, disse. . “Minha religião é o amor. Sempre tenho que escutar meu coração. Gosto de pessoas. Acho que o bissexual sofre até mais preconceito do que quem escolhe uma coisa só”, afirmou.

À publicação, Nanda ainda lembrou de seu primeiro amor e como enfrentou o período de “fossa”. “Foi aos 16, um homem, com quem transei pela primeira vez. Era louca por ele. Em um fim de semana, iria para a formatura dele, no Rio, ele ligou e disse: ‘Não vem, não’ e acabou. Pensei que fosse morrer [risos]. A Maria Rita tinha acabado de lançar o primeiro disco, e ficava ouvindo no repeat a música ‘Ele não é de nada’”, se lembrou.

A atriz ainda disse que procura não se rotular: “Na primeira vez que fiquei com uma mulher, não sabia se era bi, lésbica, nada. Já ela tinha certeza que eu gostava de meninas! Na verdade, até hoje não tenho certeza sobre o que sou, e tudo bem. Não quero me rotular, sou livre para amar”, declarou.

“Porque é isso: namorei uma mulher. Aí depois me apaixonei por um cara. E agora? Como lidar com a expectativa alheia? As pessoas acham que sou gay, vão achar que tô de ‘fachada’. Começa uma cobrança dos outros, e de mim mesma, para me rotular”, completou.

Nanda também falou sobre como foi a reação de Nanda ao falar sobre seu namoro com outra mulher. “Quando contei pra família, foi difícil. Sempre é. Eles tinham medo de eu sofrer preconceito. Acabei contando pelo telefone. Tinha sido assaltada, roubaram a carteira, precisava fazer um B.O., ir ao hospital. Era sábado, estava sem o cartão do seguro saúde. Liguei pra minha mãe. E ela: ‘Fê, você nunca fica doente. Está sozinha?’. E respondi que não estava. Ela quis saber com quem, e falei: ‘Com a Ana’. Perguntou quem era Ana, não quis mentir, disse que era minha namorada. Ela desligou”, falou.

“Meus avós quiseram saber o que houve, e ela contou. Minha avó reagiu de forma parecida, mas meu avô disse ‘graças a Deus ela está com alguém que a ama. Hoje está tudo ótimo, elas super me apoiam, adoram a Lan”, comemorou.